Jean-Joseph Cassanéa de Mondonville

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Março de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Jean-Joseph Cassanéa de Mondonville (original replica) by Maurice Quentin de La Tour.jpg

Jean-Joseph de Mondonville (batizado em 25 de dezembro de 1711 - 8 de outubro de 1772), também conhecido como Jean-Joseph Cassanéa de Mondonville, foi um violinista e compositor francês. Ele era um jovem de sucesso contemporâneo de Jean-Philippe Rameau e desfrutou de grande sucesso em sua época. Pierre-Louis Daquin (filho do compositor Louis Claude Daquin) afirmou: "Se eu não pudesse ser Rameau, não há ninguém que eu preferia ser além de Mondonville".

Trabalhos selecionados[editar | editar código-fonte]

Jean-Joseph Cassanéa de Mondonville

Óperas[editar | editar código-fonte]

  • Isbé (1742)
  • Bacchus et Erigone (1747)
  • Le carnaval du Parnasse (1749)
  • Vénus et Adonis (1752)
  • Titon et l'Aurore (1753)
  • Daphnis et Alcimadure (1754)
  • Les fêtes de Paphos (1758)
  • Thésée (1765)
  • Les projets de l'Amour (1771)
Ícone de esboço Este artigo sobre um compositor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.