João II de Bourbon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bourbon-Vendôme

João II de Bourbon, conde de Vendôme (1428 - 6 de Janeiro de 1476), filho de Luís de Bourbon e de Joana de Laval.

Membro da côrte de Carlos VII de França, assentou armas ao lado de João de Dunois contra os ingleses, nas batalhas em Normandia e Aquitânia durante a Guerra dos Cem Anos. Posteriormente, participou como árbitro do julgamento de João I de Alençon por alta traição.

Após a morte de Carlos VII, filiou-se à côrte de Luís XI de França, lutando por ele na Batalha de Montlhéry. Pouco tempo depois, todavia, tendo já se tornado conde pelo falecimento do pai, retira-se ao castelo de Lavardin, promovendo diversas melhorias na região da cidade de Vendôme, como:

  • reconstrução da capela de Sant'Iago, em 1452;
  • construção do portão de São Jorge e fosso, a fim de aumentar a proteção da muralha;
  • fundação da igreja de Maria Madalena, em 1474.

Descendência[editar | editar código-fonte]

Casou-se com Isabel de Beauvau, senhora de La Roche-sur-Yon, com a qual teve oito filhos:

João teve também dois filhos ilegítimos:

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Luís de Bourbon
Conde de Vendôme
14461477
Sucedido por
Francisco de Bourbon