John A. Hobson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

John Atkinson Hobson (Derby, 6 de julho de 1858 - 1 de abril de 1940) foi um economista inglês, crítico do Imperialismo. É um dos principais representantes do reformismo burguês. Deixou uma obra de mais de 30 volumes, dos quais os mais importantes são, A Evolução do Capitalismo Moderno, e o Imperialismo. Embora seja habitualmente considerado um marxista fabiano, Hobson sofreu influência de diversas correntes de pensamento, de Marx a Sombart e Veblen. Seu caráter profundamente herético fez com que sua obra, por sua vez, influenciasse autores tão pouco semelhantes como Lênin e Keynes.

Hobson é um precursor de Schumpeter e Keynes na demonstração de que o crédito, e não a poupança, é a mola financeira da acumulação capitalista. Para ele o excesso de poupança acarreta subconsumo e superprodução.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.