Jubileu (Torá)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O jubileu, na Torá, é o ano seguinte a uma "semana de semanas" de anos.

Assim como o sábado é o descanso semanal das pessoas e dos animais, a terra também tem o seu sábado:[1] seis anos são para a semeadura,[2] mas o sétimo ano é de descanso.[3]

Após sete períodos de sete anos,[4] o quinquagésimo ano é santificado - este é o ano do jubileu.[5]

Pelos cálculos de James Ussher, que utiliza um intervalo de 49 anos entre dois jubileus consecutivos, o primeiro jubileu foi celebrado no ano 1445 a.C., o primeiro jubileu em Canaã em 1396 a.C., os jubileus continuaram sendo celebrados durante o cativeiro na Babilônia, com o 18o ocorrendo em 563 a.C. e o 30o jubileu, em 26 d.C., coincidiu com o 30o ano de Jesus.[6]

Atualmente, o ano do jubileu não é observado.[7]

Ver também[editar | editar código-fonte]

  • Shabat - o sábado semanal, mas também tem o sentido de descanso
  • Shemitá - o sábado da terra, o sétimo ano de descanso
  • Jubileu (catolicismo) - festa do jubileu na Igreja Católica

Referências

  1. Levítico 25:2
  2. Levítico 25:3
  3. Levítico 25:4
  4. Levítico 25:8
  5. Levítico 25:10
  6. James Ussher, The Annals of the World [em linha]
  7. Baruch S. Davidson, When is the next Jubilee year?, site www.chabad.org (Ask the Rabbi) [em linha]
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.