Julian Steward

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Julian Haynes Steward
Antropologia
Um informante indígena (E) e Julian Steward (D), 1940.
Dados gerais
Nome de nascimento Julian Haynes Steward
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Nascimento 31 de Janeiro de 1902
Local Washington, D.C.
Morte 6 de Fevereiro de 1972
Local Urbana, Estados Unidos da América.
Cônjuge Dorothy Nyswander (casado de 1930-1932); Jane Cannon Steward (casado de 1933-1972).
Atividade
Campo(s) Antropologia
Instituições Universidade da Califórnia em Berkeley (1925)
Influência(s) Ecologia Cultural

Julian Haynes Steward (31 de janeiro de 1902 – 6 de fevereiro de 1972) foi um antropólogo conhecido pelo seu papel no desenvolvimento de uma teoria científica de evolução cultural após a segunda guerra mundial.

Sua principal obra é a organização de 7 volumes do Handbook of South American Indians, lançados na década de 1940, contendo artigos de grandes etnólogos e antropólogos da época como Curt Nimuendajú e Alfred Métraux.

Ícone de esboço Este artigo sobre antropologia ou um antropólogo é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Portal A Wikipédia possui o portal: