Karel van Mander

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Karel van Mander

Karel van Mander ou Carel van Mander (Meulebeke, maio de 1548Amsterdã, 11 de setembro de 1606), foi um pintor flamengo, poeta e biógrafo de Flandres Ocidental.

Estudou com Lucas de Heere, em Ghent, e em 1568-1569, com Pieter Vlerick, em Kortrijk. Viveu em Roma de 1574 a 1577, onde se diz que tenha descoberto as catacumbas. Passou por Viena, onde, junto com o escultor Hans Mont, criou um arco triunfal para a entrada do Imperador Rodolfo I.

Depois das desgraças da guerra e da peste, ele se estabeleceu em Haarlem, onde, junto com Goltzius Hendrik e Cornelis van Haarlem, abriu uma famosa academia de pintura. Escreveu uma grande obra com a biografia de pintores da época, chamada Schilderboeck, comparável a de Giorgio Vasari.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Karel van Mander

Ligações externas[editar | editar código-fonte]