Língua balinesa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Balinês (Basa Bali)
Falado em: Indonésia
Região: Bali, Nusa Penida, Lombok e Java
Total de falantes: 3,9 milhões
Família: Austronésia
 Malaio-polinésia
  Bali-Sesak
   Balinês
Escrita: latino
balinês
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ban
ISO 639-3: ban

O balinês ou simplesmente bali é uma língua malaio-polinésia falada por 3.9 milhões de pessoas (dados de 2001) na ilha indonésia de Bali, bem como no norte de Nusa Penida, oeste de Lombok e leste de Java.[1] A maioria dos balineses também fala o indonésio.

Classificação[editar | editar código-fonte]

O balinês pertence à família das línguas austronésicas, e está intimamente relacionado às línguas sesak e sumbawa.

Fonologia[editar | editar código-fonte]

Vogais[editar | editar código-fonte]

Frontal Central Anterior
Alta i u
Média e ə o
Baixa a

Consoantes[editar | editar código-fonte]

Bilabial Alveolar Palatal Velar Glotal
Parada ou
Africada
Muda p t k ʔ
Expressa b d ɡ
Fricativa s h
Nasal m n ɲ ŋ
Lateral l
Trill r
Semivogal w j

Gramática[editar | editar código-fonte]

Registros[editar | editar código-fonte]

O balinês possui diferentes registros dependendo do relacionamento e status de quem está falando: baixo (basa ketah), médio (basa madia), e alto (basa singgih). O gasa singgih contém vários empréstimos do sânscrito e do javanês.

Escrita[editar | editar código-fonte]

O balinês têm sido escrito em dois diferentes sistemas de escrita: em escrita balinesa e mais recentemente em alfabeto latino.

Escrita balinesa[editar | editar código-fonte]

Caracteres básicos da escrita balinesa

A escrita balinesa (Carakan) é um abugida, derivado da escrita brāhmī, proveniente da Índia. As inscrições mais antigas datam do século XI.

Poucas pessoas hoje estão familiarizadas com a escrita balinesa.[2] Esse sistema é quase idêntico à escrita javanesa.

Alfabeto latino[editar | editar código-fonte]

As escolas de Bali atualmente ensinam uma variante do alfabeto latino para a escrita do balinês, conhecida como Tulisan Bali.[3]

Notas e referências

  1. Ethnologue.
  2. Omniglot.
  3. The Balinese Languages By Fred B Eiseman, Jr - Bali Vision

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Ager, Simon. Balinese Omniglot.. Página visitada em 2007-03-07.
  • Gordon, Raymond G., Jr. (ed.). Ethnologue: Languages of the World, Fifteenth edition. Dallas, Tex.: SIL International, 2005.