Máfia de Memphis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Máfia de Memphis era o nome dado a turma de Elvis Presley, alguns sendo verdadeiramente seus amigos, no entanto, outros, eram só seus bajuladores. As funções dos integrantes dessa "máfia" variavam de, servir de segurança para o rei do rock onde quer que ele fosse, inclusive em sua mansão, ajudante de palco, secretário de Elvis, padrinho de casamento. Todos os componentes da turma usavam um anel de ouro e diamantes com as inscrições TCB, "Taking Care of Business", dado por Elvis, que inclusive, segundo alguns, foi enterrado com um deles. Na lua-de-mel de Elvis em 1967, toda a máfia foi convidada para viajar junto com o casal. Dois integrantes da "máfia" se desentenderam com Elvis e deixaram de participar da turma do rei do rock. Devido a este fato, os irmãos Red e Sonny West, escreveram um livro sensacionalista no ano de 1977, lançando-o na mesma época, no entanto, o livro era um total fracasso de vendas, devido ao teor considerado de baixo nível, mas com a morte prematura de Elvis em agosto, o livro começou a ganhar fôlego e posteriormente alcançou bons índices de vendagens.

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Joe Esposito (2013)
  • Elvis Presley
  • Charlie Hodge
  • Don Wilson
  • Marty Lacker
  • Jerry Schilling
  • Pat Parry
  • Cliff Gleaves
  • Lamar Fike
  • Sonny West
  • Red West
  • Gene Smith
  • Joe Esposito
  • Larry Geller
  • Dave Hebler
  • Billy Smith

Livros[editar | editar código-fonte]

Obs: Livros que descrevem fatos da máfia de Memphis.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

(em inglês) Entrevistas com os membros da "máfia"


Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.