Matteo Civitali

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Madonna e o Menino, c. 1495

Matteo Civitali (Lucca, 1436 - 1502), foi um escultor e arquiteto da Itália.

Foi a principal figura da escola renascentista de Lucca. Só começou a se dedicar à escultura após os 40 anos, tendo sido antes um barbeiro-cirurgião. Estudou em Florença com Antonio Rossellino e Mino da Fiesole. Suas principais obras estão na Catedral de Lucca, incluindo o Altar de São Romano, a Tumba de Pietro Noceto, um São Sebastião e o "tempietto", construído em 1484 para receber a Santa Face de Lucca. Também fez esculturas de Adão, Eva, Abraão e vários santos para a Catedral de Gênova.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Gilman, Benjamin Ives. Manual of Italian Renaissance Sculpture. BiblioBazaar, LLC, 2008. pp. 121-123
Ícone de esboço Este artigo sobre um escultor é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.