Nas Garras da Patrulha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nas Garras da Patrulha
Nas-Garras-da-Patrulha logo.jpg
Informação geral
Formato Seriado
Género Sitcom
Duração 30 minutos
Criador(es) Paulo Lelis
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Mariana Carvalho
Produtor(es) Rafael Meyer
Roteirista(s) Cícero Paulo
Rodrigo Maia
Elenco Cléber Fernandes
Djacir Oliveira
Ery Soares
Will Ferrari
Empresa(s) de produção Circo Tupiniquim
Exibição
Emissora de
televisão original
TV Diário
Formato de exibição 480i (SDTV) (2000-presente)
1080p (HDTV) (2015-presente)
Transmissão original 2000 – presente
N.º de temporadas 3
Cronologia
Programas relacionados Autarquias do Humor

Nas Garras da Patrulha é um programa de televisão humorístico brasileiro produzido e exibido pela TV Diário, pertencente ao Sistema Verdes Mares, desde 2000, com autoria de Paulo Lélis, direção de Mariana Carvalho e redação de Cícero Paulo. [1] Estreou originalmente em 1987 [2] como um programa de rádio da emissora Rádio Verdes Mares, [1] [2] devido ao sucesso - o ex-superintendente do Sistema Verdes Mares, Mansueto Barbosa, teve a ideia de levar o programa para a televisão. [1]

Com uma linguagem nordestina, o programa é composto por esquetes que as vezes são inspiradas no cotidiano dos cearenses. [2] O programa utiliza bonecos como personagens que são confeccionados pela equipe do Circo Tupiniquim. [1] [2] [3] Um dos personagens que mais fez sucesso é "Coxinha", dublado inicialmente pelo humorista Hiran Delmar, [4] que tornou-se febre e gíria corrente para designar o "amigo falso". [3]

O programa também ganhou um spin-off, Autarquias do Humor, exibido no Ceará pela Rede União, e no Piauí, pela Rede Meio Norte[5] .

No dia 6 de abril de 2015, o programa passou por uma reformulação, com novos personagens, vinhetas, etc.

O programa é classificado como DJCTQ - 10.svg Recomendado para maiores de 10 anos.[nota 1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

"Nas Garras da Patrulha" faz uma sátira dos acontecimentos nacionais e internacionais para esclarecer e divertir o povo cearense.

Tudo isso é representados por bonecos e a maestria dos radiatores Cléber Fernandes, Djacir Oliveira, Ery Soares e Will Ferrari que dão vida às histórias do programa.

As pautas são garimpadas dos noticiários, sem vínculo com órgão ou instituição. Os personagens que conquistam, diariamente, o gosto popular são: Chico Pezão, Coxinha, Danduska, Froxilda Fofolete, Sinira Beiçuda, Tizil, Haroldinho, entre outros.

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Coxinha (Hiran Delmar de 2000 à 2009 e Ery Soares a partir de 2010) - Amigo inseparável de Doquinha, Coxinha é uma pessoa que vive falando mal dos outros pelas costas, mas quando está na frente da pessoa, muda totalmente o discurso, ou seja, passa a elogiar a mesma.
  • Chico Pezão (Cléber Fernandes) - É o craque do "Mulambo Futebol Clube", time que disputa a 5ª divisão do futebol cearense. Inciou sua carreira futebolística como gandula no campo "Calouros do Ar". No entanto, é um burro, seguindo ao pé da letra todas as orientações do professor Das Chagas. Antes de entrar para o futebol, Chico Pezão não tinha nada, hoje não tem coisa nenhuma.
  • Tizil (Ery Soares) - O malaca mais azarado da história das Garras! Ele nunca desiste de armar algum plano mirabolante para se dar de bem, mas sempre alguma coisa atrapalha seus planos. Quando não são lutadores de artes marciais, piranhas famintas, torcedores furiosos...
  • Madeinusa (Cléber Fernandes) - Manicure, pedicure, massagista, faz consultoria em todas as áreas da beleza que cuidam do corpo e da pele. Como empreendedora, se sente como a melhor esteticista da cidade e a pessoa mais importante para seus clientes.
  • Waldisney (Djacir Oliveira) - Motorista de taxi, sabe tudo que acontece com as pessoas. Apesar de não poder conversar com os passageiros, ele descumpre a regra, sempre puxa assunto e fica por dentro de tudo. É marido de Madeinusa.
  • Haroldinho (Cléber Fernandes) - É o típico "barriga banca"; mandado pela mulher. Sempre que recebe um convite para sair com os amigos, a esposa o barra.

Notas

  1. Inicialmente classificado como Livre para todos os públicos.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]