Nelson Haedo Valdez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nelson Haedo Valdez
Nelson Valdez.jpg
Informações pessoais
Nome completo Nelson Antonio Haedo Valdez
Data de nasc. 28 de Novembro de 1983 (31 anos)
Local de nasc. Caaguazú, Paraguai
Altura 1,78 m
Destro
Apelido León Guarani
Informações profissionais
Clube atual Alemanha Eintracht Frankfurt
Número 11
Posição Atacante
Clubes de juventude

19982000
Paraguai Primero de Mayo
Paraguai Tembetary
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
20002001
20012004
20022006
20062010
20102011
20112012
20122013
20132014
2014
2014
Paraguai Tembetary
Alemanha Werder Bremen II
Alemanha Werder Bremen
Alemanha Borussia Dortmund
Espanha Hércules
Rússia Rubin Kazan
Espanha Valencia(emp.)
=Emirados Árabes Unidos Al-Jazira
Grécia Olympiacos (emp.)
Alemanha Eintracht Frankfurt
022 000(11)
089 000(78)
078 000(21)
119 000(16)
025 0000(8)
028 0000(6)
040 0000(9)
014 0000(4)
010 0000(6)
000 0000(0)
Seleção nacional3
2003
2004-
Flag of Paraguay.svg Paraguai Sub-20
Flag of Paraguay.svg Paraguai
004 0000(1)
067 000(12)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 18 de agosto de 2014.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 18 de agosto de 2014.

Nelson Antonio Haedo Valdez (San Joaquín, Departamento de Caaguazú, 28 de novembro de 1983) é um futebolista paraguaio que atua como atacante. Atualmente, joga pelo Eintracht Frankfurt.

Infância e carreira[editar | editar código-fonte]

Nelson Valdez teve uma infância muito difícil no vilarejo onde cresceu, mas foi aos quinze anos que as dificuldades começaram de verdade, pois foi com essa idade que ele decidiu seguir seu sonho de jogador de futebol.

Mesmo sem o apoio da mãe, Nelson decidiu viajar a Assunção e tentar a sua sorte; Mas ao chegar lá, deparou-se com a surpresa de ter de morar em baixo de um estádio de futebol, foi a partir daí, que todo aquele esforço seria recompensado.

Após passagem pelo modesto clube Club Atlético Tembetary, Haedo Valdez conheceu um empresário, que mais tarde o levaria para a Alemanha, dizendo que lá, ele só teria de assinar um contrato e começaria a treinar imediatamente; Mas durante o voo, ele descobriu que a sua ida a Alemanha, não estava sobre conhecimento do seu futuro clube.

Por sorte, o presidente do clube era casado com uma paraguaia, foi ela que pediu que desse uma chance ao jovem jogador; Mas foi após marcar quatro gols na sua primeira partida, que Nelson Valdez conseguira a chave para iniciar seu futuro na Europa, mas precisamente no Werder Bremen.

Já conhecido no país, Haedo Valdez rumou para outro clube alemão, o Borussia Dortmund. Lá era muito respeitado pela sua torcida e durante o período que esteve lá, virou ídolo.

Mas em meados de 2010, ele decidira dá um novo rumo a sua carreira e recomeça-la na Espanha, mas precisamente no recém promovido à Primeira divisão espanhola, o Hércules de Alicante. No primeiro jogo como titular, Nelson Valdez impôs respeito e fizera dois gols contra o então campeão espanhol,o Barcelona, em pleno Camp Nou; Foram os dois gols que valera a incrível vitoria do time alicantino sobre o, considerado, melhor time do mundo.

Mesmo fazendo oito gols em vinte e cinco jogos, Haedo Valdez, não evitara a queda do seu time para a segunda divisão. Foi no fim da temporada, que ele se recusara a jogar na divisão inferior da Espanha e decidiu forçar sua saída do clube.

Após muitos rumores e ofertas, foi confirmado no dia 15 de Agosto de 2011, que o atacante paraguaio estava se transferindo para o clube russo Rubin Kazan, por uma verba que ronda os 4.000.000 de Euros. O jogador estará em definitivo pelo clube e usará a camisa número 18.

Depois de uma temporada de sucesso pelo clube russo, onde no seu primeiro ano venceria a Copa da Rússia e a Supercopa da Rússia, Haedo Valdez pediu para seu treinador, Kurbán Berdíev, que o liberasse para negociar com outra equipe. O motivo seria o fato de que Haedo estaria com dificuldades para encontrar uma escola bilíngue para sua filha e seria da vontade do jogador que ela aprendesse o espanhol. Com isso, ele dera preferencia aos clubes da Espanha, país pelo qual ele jogou uma temporada antes defendendo o Hércules de Alicante.

No dia 15 de Agosto de 2012, o Valencia confirmou a contratação do atacante paraguaio por empréstimo de um ano, com opção de compra no fim da temporada. E mesmo antes do fim da atual época europeia, o Rubin Kazan confirmou a transferência do atacante paraguaio em definitivo para o Clube Ché, com isso, a equipe espanhola prolongou seu contrato até o segundo semestre de 2015.

Em péssima situação financeira e colocando no mercado todos seus jogadores, o Valencia anuncia a necessidade de ganhar caixa e em 16 de Julho de 2013, antes mesmo de completar um ano no clube espanhol e mesmo tendo acabado de renovar seu contrato em definitivo, Haedo é obrigado a negociar sua saída do clube e acaba por fechar sua transferência para o futebol do Emirados Árabes, por 3 milhões de euros. A negociação acorria enquanto o jogador participava da pré-temporada com o Valencia, na Alemanha e tendo fechado o acordo, foi obrigado a abandonar sua estadia em solo germânico e se apresentar ao Al-Jazira

Em mais uma janela de transferência, Haedo Valdez decidiu fazer as malas e rumar a outro clube, o que seria o oitavo em sua carreira profissional. Com problemas com a direção do Al-Jazira e o extenso conflito presente no Oriente Médio e a questão familiar do paraguaio, ele decide procurar um novo clube próximo a região do Mar Mediterrâneo, onde encontra-se a família de sua esposa. Após se especulado no Elche, pequeno clube da Espanha e no Bologna da Itália, em 30 de Janeiro de 2014 ele acaba acertando sua transferência por empréstimo até o fim da temporada no tradicional clube grego, o Olympiacos, que tem opção de compra ao fim da temporada 2013/2014.

Após voltar de empréstimo da Grécia, Valdez, após suas férias com sua família, volta a Abu Dhabi, mas por lá fica por pouco tempo. Em 28 de Julho de 2014, o paraguaio surpreende e volta à Bundesliga onde começou no Werder Bremen então com apenas 18 anos. Após passagem também pelo alemão Borussia Dortmund, Haedo defenderá as cores do Eintracht da cidade de Frankfurt, onde voltará a ser treinado pelo seu primeiro treinador na Europa: Thomas Schaaf

Seleção Paraguaia[editar | editar código-fonte]

Pela Seleção paraguaia, Nelson esteve sempre em destaque e sempre fora lembrado pelos treinadores na lista de convocação. Participou das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2006, mas se destacou junto com seus companheiros de equipe na edição das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010, onde a seleção paraguaia, derrubara o favoritismo de grandes seleções do continente, vencendo por exemplo, o Brasil.

Nelson, foi muito importante para a classificação de sua seleção para o Mundial de 2010. Tanto que no dia 9 de Setembro de 2009, fez o gol da vitória e da classificação contra a Argentina no Estadio Defensores del Chaco.

Participou do Mundial de 2006 e de 2010; Nessa última, fez parte da histórica campanha de sua seleção, onde chegou as quartas de final, sendo eliminada pela futura campeã mundial, a Seleção espanhola. No confronto, Nelson teve um gol anulado erradamente e lutou, junto com seus companheiros, tentando a classificação de sua equipe para as semi-finais do torneio, até ser substituído ao 72 minutos de jogo; Não é a toa que a Espanha teve tanto trabalho para avançar à fase seguinte da Copa.

Recentemente, participou da Copa América de 2011, na Argentina. No confronto contra a seleção brasileira na fase de grupos, Nelson entrou e marcou um gol que fora essencial para o empate diante dos selecionados brasileiros. No mesmo torneio ajudara a sua seleção a chegar à final, que fora vencida pela Seleção uruguaia por 3 a 0, fazendo assim Nelson Valdez e a equipe paraguaia contentarem-se com o vice-campeonato.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Nelson Valdez, em entrevista recente a rádio paraguaia 970 AM, afirmou que decidiu virar um jogador de futebol em 1998, quando Laurent Blanc marcou o gol que desclassificaria a seleção paraguaia da Copa do Mundo deste mesmo ano. Segundo ele, naquele dia a sua mãe não parava de chorar, então ele a abraçou e lhe disse: "No voy a dejar que pase eso nunca más"
  • Nelson, quando muito jovem, jogava vôlei, esse talvez seja o principal motivo de ter um salto extremamente potente: dos seus seis primeiros gols pelo Valencia, quatro foram de cabeça.
  • Certa vez, como apenas 14 anos, o pai de Haedo o viu bebendo cerveja; muito constrangido, prometeu a ele que mudaria o rumo de sua vida e daria-o muito orgulho.
  • Acordava todos os dias cinco horas da manhã para correr e se preparar para o treino: seus vizinhos chamava-o de vadio, mas as corridas venho a ajudá-lo futuramente, pois hoje ganha grande destaque por ser um dos jogadores que mais corre e de maior residencia em campo.
  • Na temporada 2004/2005 da UEFA Champions League, Haedo, então no Werder Bremen, entrou nos últimos dez minutos da última partida da fase de grupos; o jogo estava 0 a 0 e em uma de sua primeiras chances, ele marcou um gol e já nos acréscimos voltou a marcar, fazendo assim, o Bremen se classificar para a fase seguinte da competição. Curiosamente, os dois gols foram marcados contra o Valencia, fazendo a equipe espanhola ser eliminada e se não bastasse, anos mais tarde, ele defenderia as cores do clube que fora carrasco e ironicamente, se tornou um dos jogadores mais queridos da torcida que ele, naquela partida, provocou em uma de suas comemorações.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Werder Bremen
Borussia Dortmund
Rubin Kazan

Olympiacos

[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Bandeira de ParaguaiSoccer icon Este artigo sobre um futebolista paraguaio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.