Seleção Paraguaia de Futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde junho de 2010). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
Paraguai
Paraguai
Alcunhas?  La Albirroja, Guaraníes
Associação Associação Paraguaia de Futebol
Confederação CONMEBOL
Material desportivo?  Alemanha Adidas
Treinador Paraguai Víctor Genés
Capitão Roque Santa Cruz
Mais participações Paulo da Silva (116)
Melhor artilheiro Roque Santa Cruz (30)
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

A Seleção Paraguaia de Futebol representa o Paraguai nas competições de futebol, seja ela mundial ou continental.


História[editar | editar código-fonte]

O Paraguai alcançou a Segunda fase da Copa do Mundo em três ocasiões (em 1986, 1998 e 2002) mas só alcançou a terceira fase uma vez (em 2010). As únicas conquistas expressivas do Paraguai aconteceram na Copa América, na qual triunfaram duas vezes, em 1953 e 1979. Eles também ganharam uma medalha de prata no torneio de futebol das Olimpíadas de Atenas 2004, sendo derrotados por 1 a 0 pela Argentina na final.

Depois da penetração como técnico da Seleção Paraguaia do argentino Gerardo Martin, a Seleção Paraguaia de Futebol mudou seu antigo comportamento defensivo, pela marca da pressão na zona de meio-campo e um jogo muito ofensivo, isto apoiado com a aparição de meio-campistas como Christian Riveros, Enrique Vera, Edgar Barreto entre outros; atacantes com alta porcentagem de gols como Salvador Cabañas, Roque Santa Cruz, Nelson Haedo Valdez entre outros, todos eles jovens experimentados em clubes europeus e mexicanos. Esta mescla de bom jogo ofensivo e excelente tática deram como resultado uma medalha de prata nas Olimpíadas de Atenas.

O elenco paraguaio atual é mais conhecido por suas técnicas defensivas que sua habilidade para marcar gols, com jogadores como Denis Caniza e o capitão Carlos Gamarra estando entre seus mais proeminentes membros. Contudo, o futuro dessa estratégia pode parecer questionável devido à aposentadoria dos defensores Francisco Arce e Celso Ayala da seleção, e de seu mundialmente famoso goleiro José Luis Chilavert. Muitas peças-chave agora estão nos últimos momentos de suas carreiras, o que deve levar o Paraguai a procurar a renovação da equipe com novos talentos entre as gerações mais jovens se quiserem manter o aumento de seu status nas conquistas ao longo da última década.

O Paraguai tem tradição no futsal sendo, inclusive, campeão mundial em 1988 em um campeonato organizado pela FIFUSA (que ainda não tem o reconhecimento da FIFA).


Títulos e campanhas em destaque[editar | editar código-fonte]

Seleção Principal
Torneio Campeão Vice-campeão Terceiro Quarto
Copa América 2 (1953, 1979) 6 (1922, 1929, 1947, 1949, 1963, 2011) 7 (1923, 1924, 1925, 1939, 1946, 1959, 1983) 6 (1921, 1926, 1937, 1942, 1967, 1989)
Seleção de Base
Torneio Campeão Vice-campeão Terceiro Quarto
Campeonato Mundial Sub-20 1 (2001)
Campeonato Sul-Americano Sub-20 1 (1971) 5 (1964, 1967, 1985, 2009, 2013) 6 (1974, 1977, 1979, 1997, 2001, 2003) 3 (1988, 1991, 1999)
Campeonato Sul-Americano Sub-17 1 (1999) 1 (2001) 2 (1988, 1997)
Campeonato Sul-Americano Sub-15 2 (2004, 2009) 1 (2005)
Pré-Olímpico Sul-Americano Sub-23 1 (1992) 1 (2004) 1 (1984) 1 (1968)
Seleção Olímpica
Torneio Gold medal.svg Gold medal southamerica.svg Ouro Silver medal.svg Silver medal southamerica.svg Prata Bronze medal.svg Bronze medal southamerica.svg Bronze
Jogos Olímpicos 1 (2004)
Jogos Sul-americanos 1 (1978)


Campeonatos do Mundo[editar | editar código-fonte]