Noite de Guy Fawkes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Celebração da Noite de Guy Fawkes no Castelo de Windsor, por Paul Sandby, c. 1776

A noite de Guy Fawkes refere-se ao episódio em que o soldado católico inglês Guy Fawkes, membro da chamada "conspiração da pólvora", tentou explodir o Parlamento Inglês e matar o rei protestante Jaime I da Inglaterra, na noite do dia 5 de novembro de 1605.[1] [2] Contudo, seu grupo foi descoberto e Fawkes e seus companheiros foram torturados durante quatro dias na Torre de Londres antes de serem executados na forca, seguindo-se o arrastamento dos cadáveres pelas ruas e esquartejamento dos corpos.

Referências[editar | editar código-fonte]

A data foi instituída na Inglaterra como uma festividade pela sobrevivência do rei que é chamada de Bonfire Night, normalmente com a presença de fogos de artifício e de uma grande fogueira. Entretanto, com o passar do tempo acabou virando uma festa de humilhação de Fawkes, com sua máscara sendo queimada nas fogueiras. Decisões baseadas no encontro dos primazes e homologadas pelo conselho consultivo de 'A Igreja de Jesus Cristo.' que não é uma igreja pentecostal e esta sediada fora da Europa.

Referências