ONE Fighting Championship

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde abril de 2013). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.


ONE Fighting Championship
Gênero Eventos de MMA
Fundação 02011-07 Julho de 2011
Sede Kallang, Singapura
Proprietário(s) Victor Cui, Comprador
Página oficial http://www.onefc.com/

ONE Fighting Championship (ONE FC) é uma organização de Artes marciais mistas (MMA) Singapurense oficialmente iniciada em 14 de Julho de 2011.[1] É muito conhecida por ser a atual melhor promoção de MMA na Ásia.[2]

Sobre[editar | editar código-fonte]

ONE Fighting Championship é a maior organização de MMA na Ásia. O primeiro evento, ONE Fighting Championship: Champion vs. Champion, aconteceu com público de 12,000 no Singapore Indoor Stadium em 3 de Setembro de 2011 e contou com Phil Baroni, Yoshiyuki Yoshida, Gregor Gracie, e Eduard Folayang.

A organização é baseada na Singapura e já esgotou em eventos em Kuala Lumpur, Jakarta, Manila e Singapura. A promoção também planeja sediar eventos por toda a Ásia e o comprador Victor Cui já listou Tokyo, Macau, Seoul e Shanghai como sedes para futuros eventos. ONE Fighting Championship realizará eventos pelas maiores cidades da Ásia as well e um programa de TV de qualificação nacional.[3] ONE Fighting Championship tem um vínculo de 10 anos no canal de TV ESPN Star Sports.

O dono e comprador Victor Cui é ex-promotor do Martial Combat, e a ESPN Star Sports comprou a promoção com 12 eventos em 2010.[4] De acorde com Cui, o Martial Combat foi um "pequeno projeto teste-piloto" e o ONE Fighting Championship gastava quinze vezes mais em um evento do que o Martial Combat. O financiamento vem de um grupo de investidores estrangeiros.[5]

Regras[editar | editar código-fonte]

ONE Fighting Championship institui as regras globais do MMA que combinam as regras do PRIDE com as regras da Comissão de Nevada; permitindo os tiros de metas e permitindo o uso de cotoveladas,[6] pisões no corpo e pernas mas não na cabeça com o oponente no chão.

Originalmente o árbitro falaria 'agressão aberta' para que os lutadores pudessem usar as regras no estilo do PRIDE, mas após dois incidentes no ONE FC: Pride of a Nation, ONE FC abandonou a regra de agressão aberta e agora permite que os lutadores usassem isso em qualquer momento da luta. Um dos incidentes foi na luta entre Andrei Arlovski e Tim Sylvia. Arlovski abalou Sylvia e em seguida aplicou tiros de metas em sua cabeça, e quando todos achavam que o árbitro havia interrompido a luta, ele tinha pedido tempo porque ele não ativou o 'agressão aberta'. Quando foi decidido após os cinco minutos de descanso de Sylvia que ele não poderia continuar, a luta foi resultada em Sem Resultado.[7] O outro incidente foi na luta entre Shannon Wiratchai e Mitch Chilson, em que Wiratchai venceu, mas após uma revisão completa da luta dias após o evento, ONE FC oficialmente decidiu que Wiratchai lançou um chute ilegal em Chilson no segundo round e o árbitro Moritaka Oshiro incorretamente declarou o fim da luta determinando que nesse ponto Chilson não poderia mais se defender. A vitória de Wiratchai foi revertida e a luta também foi dada com Sem Resultado.[8] One FC eliminou a restrição de 'agressão aberta' quatro dias após a luta de Arlovski e Sylvia.

Transmissão de TV[editar | editar código-fonte]

ONE Fighting Championship é transmitido na TV aberta na Ásia no MNC The Indonesian Channel na Indonésia,[9] e MediaCorp Channel 5 em Singapura.[10]

Em 30 de Janeiro de 2012 foi anunciado que o ONE Fighting Championship havia assinado um contrato para ser transmitido na ESPN Star Sports para os próximos 10 anos, o mais longo contrato na história do MMA asiático.[11]

ONE FC fez sua estréia no PPV no ONE Fighting Championship: Rise of Kings no iN DEMAND, Avail-TVN, DirecTV e Dish.[12]

No Brasil vai ao ar no Esporte Interativo e no BandSports.

Atuais campeões[editar | editar código-fonte]

Divisão Limite de Peso Campeão Desde Defesas de Título
Peso Pesado 120 kg Vago 0
Peso Meio Pesado 93 kg Vago 0
Peso Médio 84 kg Vago 0
Peso Meio Médio 77 kg Estados Unidos Ben Askren 29 de Agosto de 2014 (ONE FC: Reign of Champions) 0
Peso Leve 70 kg Japão Shinya Aoki 5 de Abril de 2013 (ONE FC: Kings and Champions) 1
Peso Pena 66 kg Mongólia Jadamba Narantungalag 29 de Agosto de 2014 (ONE FC: Reign of Champions) 0
Peso Galo 61 kg Brasil Bibiano Fernandes 18 de Outubro de 2013 (ONE FC: Total Domination) 1
Peso Mosca 57 kg Brasil Adriano Moraes 12 de setembro, 2014 (One FC: Rise of the Kingdom) 0

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

http://www.sherdog.com/organizations/One-Fighting-Championship-3877