Orquestra de câmara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A orquestra de câmara é um grupo instrumental composta por um menor número de músicos e instrumentos musicais do que se comparada com uma orquestra. Normalmente realiza apresentações em ambientes restritos, daí o nome "câmara", que nesse caso é referência ao local destinado a apresentação. Enquanto uma orquestra sinfônica ou filarmônica é composta por mais de cinquenta instrumentos e destina-se a apresentação em grandes teatros ou mesmo áreas externas, a orquestra de câmara é composta por poucos instrumentos, destinada a apresentação no interior de edificações, para um público mais reduzido.[1]

Evolução[editar | editar código-fonte]

Afrescos em baixo-relevo datados do século IX retratam pequenos grupos de músicos em atitude de execução musical[2] No século XVIII, as orquestras de câmara predominantes eram compostas por instrumentos de corda (primeiros­-violinos e segundos-violinos, violas, violoncelos e contrabaixos) e sopros (flautas, oboés, clarinetes, fagotes, trompas, trompetes e tímpanos).[1] A partir do classicismo, orquestras com vinte músicos eram consideradas camerísticas.[2] A denominação música de câmara é utilizada a partir do período clássico da música.[3]

Grupos de música de câmara[editar | editar código-fonte]

A orquestra, embora seja uma das organizações instrumentais que executa música de câmara, se difere dos demais grupos de música de câmara pois existe a participação de um regente, o que não acontece com os grupos de música de câmara. Esses mesmo sem a presença de um maestro contam com a marcação de tempos, ataques, andamento, normalmente conduzidos por um dos músicos, que atua tal qual o spalla ou ""concertino"" em uma orquestra. A formação pode ser bastante variada quanto ao número de cada um dos instrumentos e o número total de músicos que compõem a orquestra. A formação mais comum possui primeiros­-violinos e segundos-violinos, violas, violoncelos e contrabaixos, uma ou duas flautas, dois oboés, dois clarinetes, dois fagotes, duas trompas, trompetes e tímpanos.[1] Além da orquestra, a música de câmara pode ser executada por:[2]

Orquestra de Câmara de l'Empordà
  • Duetos (ou duos):Piano e outro instrumento (flauta, violino, cello, voz) ou dois instrumentos que não sejam o piano.
  • Trios: Piano, violino e cello
  • Quartetos: Dois violinos, viola, cello
  • Quintetos: Piano e quarteto
  • Sextetos: dois violinos, duas violas, dois cellos

Música de câmara[editar | editar código-fonte]

A música executada por uma "orquestra de câmara" ou "grupo de música de câmara" é chamada de música de câmara.

Referências

  1. a b c A orquestra de câmara (em português) Aulas de Música. Página visitada em 22 de outubro de 2009.
  2. a b c Música de câmara (em português) mnemocine. Página visitada em 22 de outubro de 2009.
  3. Música de câmara (em português) História da Arte. Página visitada em 22 de outubro de 2009.
Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.