Pieter van Boucle

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Janeiro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Natureza-morta ou peixe com gato
Natureza-morta

Pieter van Bœcle, também denominado por Pieter van Boucle (Anvers, 1610Paris, 1673), foi um pintor barroco frances de origem flamenga. Além de pintor, foi decorador e gravurista.

O seu estilo ecléctico muito próprio de pintar naturezas-mortas, influenciou reconhecidos artistas nórdicos e franceses e é tido como um dos três melhores pintores de animais da Flandres, junto a Pieter Boel e a Nicasius Bernaert.

Ao longo da sua vida, obteve vários patronos, todos eles nobres, tendo por isso pintado um grande número de obras alusivas à riqueza e ao luxo e estes elementos são visíveis em praticamente todas as suas naturezas-mortas, onde a clareza de frutas e vegetais contrasta com o brilho que enaltece jóias e pratas. É relevante também na forma inspiradora e suave com que representa as porcelanas chinesas, tipicamente presentes nos seus quadros. Talvez por isso tenha tido vários seguidores entre os artistas nórdicos.

Uma das suas mais conhecidas pinturas é O Poleiro, óleo sobre tela que concebeu na cidade de Paris, onde faleceu.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Pieter van Boeckel
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) pintor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.