Rouxinol-pequeno-dos-caniços

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde agosto de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.


Portal A Wikipédia possui o portal:


Como ler uma caixa taxonómicaRouxinol-pequeno-dos-caniços
Carricerocomun.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Passeriformes
Família: Acrocephalidae
Género: Acrocephalus
Espécie: A. scirpaceus
Nome binomial
Acrocephalus scirpaceus
(Hermann, 1804)
Acrocephalus arundinaceus MHNT

O rouxinol-pequeno-dos-caniços (Acrocephalus scirpaceus) é uma ave da família Acrocephalidae. Caracteriza-se pela plumagem acastanhada e pelo bico fino.

Esta espécie insectívora distribui-se pela maior parte da Europa. Frequenta caniçais, construindo um ninho suspenso entre os talos dos caniços. É uma ave migradora, que passa o Inverno em África. Ave pequena da família das felosas é uma espécie muito característica da zona do caniçal. A designação de rouxinol (Nightingale – em Inglês), provém do facto de ela apenas cantar de noite. Esta espécie é frequentemente parasitada pelo Cuco.

Identificação[editar | editar código-fonte]

O rouxinol-pequeno-dos-caniços, tem um aspecto algo incaracterístico, sem nada particular. Totalmente castanho e de garganta esbranquiçada. Bico fino, à semelhança de outros insectívoros. O canto é composto por sequências muito variadas de notas repetidas, sendo a melhor maneira de identificar a espécie.

Distribuição Geográfica[editar | editar código-fonte]

O rouxinol-pequeno-dos-caniços tem uma distribuição muito fragmentada, de norte a sul do país, pode ser considerado comum. Frequenta caniçais de várias dimensões, construindo o ninho suspenso nos caniços. É migradora, chega em Março e parte no final do Verão. Os caniçais das zonas húmidas fluviais costeiras são a melhor forma de avistar esta ave.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre aves passeriformes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Rouxinol-pequeno-dos-caniços