Sogdiana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde outubro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Sogdiana é a denominação de uma antiga civilização formada por povos persas cujo território transformou-se posteriormente numa província do Império Aquemênida. Em períodos diferentes da história, incluiu territórios em torno de Samarcanda, Bucara, Khujand e Kesh (Shahrisabz), no atual Uzbequistão, bem como o atual Tadjiquistão.

Em 327 a.C., a fortaleza chamada "Rocha Sogdiana" foi capturada por Alexandre, o Grande, que uniu então a Sogdiana e a Báctria numa só satrapia. Posteriormente, a região integrou o reino Greco-Bactriano, fundado por Diódoto I, até a conquista da área pelos citas, no século III a.C..

A Sogdiana era uma paragem importante da antiga Rota da Seda e intermediava o comércio entre a China e a Ásia Central.

A maioria do povo sogdiano gradualmente misturou-se a outros grupos locais como os bactrianos, os corásmios, os turcomanos e os persas do Império Aquemênida e passaram a falar o persa (os modernos tadjiques) ou (após a conquista turcomana da Ásia Central) uzbeque turcomano, sendo uma das linhagens que deram origem aos atuais povos tadjiques e uzbeques.