The Big One

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Big One
The-Big-One-Poster.jpg (BR)
 Estados Unidos
1998 • cor • 95 min 
Direção Michael Moore
Produção Kathleen Glynn
Roteiro Michael Moore
Elenco Michael Moore
Género Documentário
Idioma Inglês
Música World Famous Blue Jays
Edição Meg Reticker
Distribuição BBC e Dog Eat Dog Films (co-produtores)
Miramax Films (distribuidor)
Lançamento 10 de abril de 1998
Orçamento US$ $720,074[1]

The Big One é um filme rodado em 1996—e liberado em 1998 pela Miramax Films—por Michael Moore durante sua turnê promocional pelos EUA para seu livro Downsize This!. Através das 47 cidades que visita, Moore descobre e descreve as fraquezas econômicas e o medo do desemprego dos trabalhadores americanos.

Experiência[editar | editar código-fonte]

Embora muito do filme exiba que Moore cace sem sucesso os chefes e os executivos-chefe e o de corporações importantes, ele finalmente é de capaz de conversar com o CEO da Nike, Phil Knight, sobre suas práticas trabalhistas na companhia. A entrevista bem sucedida é mostrada no filme. O filme também critica o Presidente Bill Clinton e três outros candidatos importantes da eleição de 1996, embora esteja na parte maior direcionada à "traição" de Clinton dos ideiais econômicos progressivos.

O título se refere ao seu conceito de que os Estados Unidos da América necessita de uma reforma e receber um novo nome. Quando perguntado que nome seria, brincando sugere, "O Grande" ("The Big One").

Tanto o trailer como o pôster do filme são paródias de Men in Black.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. http://boxofficemojo.com/movies/?id=bigone.htm