Thomas Amory

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Thomas Amory
Nascimento ca. 1691
Morte 25 de novembro de 1788 (97 anos)
Nacionalidade Union flag 1606 (Kings Colors).svg britânica
Ocupação escritor

Thomas Amory (ca. 1691 – 25 de novembro de 1788) foi um escritor britânico. Seu pai era o secretário de propriedades perdidas, na Irlanda. Foi uma pessoa excêntrica e parece ter vivido uma vida muito isolada.

Em 1755 publicou Memoirs containing the lives of several ladies of Great Britain, a History of Antiquities and Observations on the Christian Religion, que foi seguido pela Life of John Buncle, Esq. (Vol. I,[1] 1756, e Vol. II,[2] 1766), praticamente uma continuação. Os conteúdos destas obras são diversos—filologia, ciências naturais, teologia, e além disso, muitos tratados sem qualquer sistema, mas com originalidade ocasional e felicidade de expressão. O autor, que era um excêntrico de renome, tinha um aspecto peculiar, com a maneira de um cavalheiro, e quase nunca saía de casa, exceto no crepúsculo. Atingiu a idade de 97 anos.

Notas

Referências

Wikisource  "Amory, Thomas". Encyclopædia Britannica (11th). (1911). Ed. Chisholm, Hugh. Cambridge University Press. 

  • Este artigo incorpora texto de uma publicação agora no domínio público: Cousin, John William (1910). A Short Biographical Dictionary of English Literature. Londres, J. M. Dent & Sons; Nova York, E. P. Dutton.
  • A informação aqui é consistente com a entrada no The Oxford Companion to English Literature, ed. Sir Paul Harvey, 4th e. (Oxford: Oxford University Press, 1967).