Thunbergia alata

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2011). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Como ler uma caixa taxonómicaThunbergia alata
Thunbergia alata.JPG

Classificação científica
Reino: Plantae
Clado: angiospérmicas
Clado: eudicotiledóneas
Ordem: Lamiales
Família: Acanthaceae
Género: Thunbergia
Espécie: T. alata
Nome binomial
Thunbergia alata
Bojer ex Sims

Thunbergia alata é uma espécie de planta com flor pertencente à família Acanthaceae.[1]

A autoridade científica da espécie é Bojer ex Sims, tendo sido publicada em Botanical Magazine 52: , pl. 2591. 1825.[2]

É uma espécie de trepadeira herbácea ruderal. Nativas de áreas tropicais da África Oriental, pertence à família das acanthaceae. [3]

A espécie e outras da família foram introduzidas no resto do mundo como planta decorativa[carece de fontes?]. A facilidade com que se adapta deu origem de nomes jocosos como "biscatinha" e "maria-sem-vergonha".

A planta possui um caule volúvel, folhas pecioladas sagitadas e flores amarelas gamopétalas, com tubo petalino de cor marrom. Cada flor é acompanhada por duas brácteas verdes.

A Thunbergia alata, cujo nome foi dado pelo nomeado pelo alemão Wenceslas Bojer, foi enviado de Maurício para a Inglaterra, onde foi descrita pela primeira vez por John Sims em 1825.[4]

Moçambique[editar | editar código-fonte]

Trata-se de uma espécie presente no território moçambicano, nomeadamente em Zambézia, Tete, Manica e Sofala, Gaza-Inhambane, Maputo (regiões como estão definidas na obra Flora Zambesiaca).

Em termos de naturalidade trata-se de uma espécie nativa.[5]

Nomes vulgares desta espécie[editar | editar código-fonte]

  • Amarelinha
  • cipó-africano
  • bunda-de-negro
  • maria-sem-vergonha
  • jasmim-da-itália
  • bunda-de-mulata [6]
  • olho-de-poeta
  • cu-de-cachorro [6]
  • cu-de-mulata
  • olho-preto
  • carólia
  • jasmim-sombra
  • erva-cabrita
  • erva-de-cabrita
  • susana-dos-olhos-negros
  • suzana-dos-olhos-negros
  • black-eyed susan ((em inglês)) [4]
  • swartoognooi (Afr.)
  • isiPhondo (Zulu)

Referências

  1. Hyde, M.A., Wursten, B.T., Ballings, P., Dondeyne, S. & Coates Palgrave, M. (2014). Flora of Mozambique: Checklist: Acanthaceae. http://www.mozambiqueflora.com/speciesdata/utilities/utility-display-checklist.php?family_id=1, consultado em 17 de Dezembro de 2014
  2. Tropicos.org. Missouri Botanical Garden. 7 de Outubro de 2014 <http://www.tropicos.org/Name/100122>, consultado em 17 de Dezembro de 2014
  3. "Thunbergia alata". (em inglês)
  4. a b "Thunbergia alata, Bojer ex Sims". (em inglês)
  5. Hyde, M.A., Wursten, B.T., Ballings, P., Dondeyne, S. & Coates Palgrave, M. (2014). Flora of Mozambique: Species information: Thunbergia alata. http://www.mozambiqueflora.com/speciesdata/species.php?species_id=152940, consultado em 17 de Dezembro de 2014
  6. a b Thunbergia alata Biodiversidade Catarinense. Visitado em 25 de Julho de 2012.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Thunbergia alata
Ícone de esboço Este artigo sobre a ordem Lamiales, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.