Tocantins Futebol Clube

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tocantins FC
Nome Tocantins Futebol Clube
Alcunhas Tigrão da Serra
Mascote Tigre
Fundação 10 de outubro de 1999 (15 anos)
Estádio Não tem
Localização Palmas (TO)
Brasil Brasil
Mando de jogo em Nilton Santos
Capacidade (mando) 10.000
Ranking nacional 291º (2 pontos)[1]
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo

O Tocantins Futebol Clube é um clube brasileiro de futebol, sediado na cidade de Palmas, capital do estado de Tocantins.

História[editar | editar código-fonte]

O Tocantins foi fundado em 10 de outubro de 1999, com o nome de Clube Atlético Tocantinense. Na ocasião, suas cores eram preto e branco.

Em 2002, participou pela primeira vez do Campeonato Tocantinense, terminando na última colocação entre os dez participantes. Em 2006, alterou o nome para o atual Tocantins Futebol Clube, bem como as cores, que passaram a ser azul e branco. Dentro de campo, a troca de nome não surtiu efeito e o clube novamente terminaria na lanterna do estadual.

Após várias participações sem sequer obter a classificação para a segunda fase, o Tocantins sagrou-se campeão estadual em 2008. O clube fez uma campanha razoável na primeira fase, obtendo a quarta colocação do Grupo B. Na segunda fase, foi o segundo colocado de seu grupo. Nas semifinais, derrotou o Juventude de Dianópolis duas vezes (1x0 e 2x1). Na decisão, surpreendeu o Gurupi, derrotando-o por 1x0 em pleno Estádio Resendão, na cidade de Gurupi. No confronto final de 27 de junho, no Estádio Nilton Santos, em Palmas, um empate sem gols bastou para que o Tocantins ficasse com o título, perante um público de quase cinco mil torcedores.

Com a conquista, o Tocantins garantiu o direito de participar da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro de Série D do ano seguinte. Entretanto, a temporada de 2009 foi ruim para o clube. Eliminado da Copa do Brasil na primeira fase pelo Atlético Paranaense logo na primeira partida, com uma derrota por 3 a 0 no Estádio Nilton Santos,[2] o Tocantins também foi eliminado na primeira fase da Série D. No grupo 2, do qual também faziam parte São Raimundo do Pará, Cristal e Moto Club, o Tocantins foi o lanterna.[3] Além disso, o clube foi assolado por grave crise financeira, que acarretou em atraso de salários de jogadores e funcionários e o não-pagamento de taxas de arbitragens. A má fase culminou com o rebaixamento no Campeonato Tocantinense, com a goleada sofrida em casa para o Tubarão por 4 a 0, na 15ª rodada da competição e três rodadas antes do encerramento da primeira fase.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Estaduais[editar | editar código-fonte]

(2008)

Categorias de base[editar | editar código-fonte]


Desempenho em competições oficiais[editar | editar código-fonte]

Campeonato Brasileiro (Série D)
Ano 2009
Pos. 33º


Copa do Brasil
Ano 2009
Pos. 57º


Campeonato Tocantinense
Ano 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009
Pos. 10º 11º


Legenda:
     Campeão
     Rebaixado à divisão inferior


Símbolos[editar | editar código-fonte]

Uniformes[editar | editar código-fonte]

Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Atlético Tocantinense
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Tocantins

Referências

  1. RNC - Ranking Nacional dos Clubes Confederação Brasileira de Futebol, acessado em 15 de maio de 2010
  2. Atlético-PR faz 3 a 0 no Tocantins e assegura vaga na Copa do Brasil Conexão Tocantins, acessado em 15 de maio de 2010
  3. Tocantins se despede com derrota da Série D Jornal O Girassol, acessado em 15 de maio de 2010
Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre clubes brasileiros de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.