Álisson do Monte Martins Melo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Álisson Melo
Voleibol
Nome completo Álisson do Monte Martins Melo
Modalidade Voleibol indoor
Nascimento 13 de março de 1993 (26 anos)
Três Corações, MG
Nacionalidade brasileiro
Compleição Peso: 93 kg Altura: 2,03 m
Clube Brasil Lebes Gedore/Canoas Vôlei
Medalhas
Competidor do Bandeira do Brasil Brasil
Campeonato Sul-Americano Infantojuvenil
Prata La Guaira 2010 Equipe

Álisson do Monte Martins Melo (Três Corações, 13 de março de 1993) é um voleibolista indoor brasileiro, atuante na posição de Ponta, com marca de 330cm de alcance no ataque e 310cm no bloqueio, alcançou a medalha de prata na edição do Campeonato Sul-Americano Infantojuvenil de 2010 na Venezuela, e nesta categoria disputou os Jogos Sul-Americanos de 2010 na Colômbia e do Campeonato Mundial de 2011 na Argentina.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Aos onze anos de idade iniciou na prática do voleibol após sugestão de amigo em sua terra natal[1].Em 2008 foi pré-selecionado pelo técnico Percy Oncken da categoria infanto-juvenil da Seleção Brasileira para os treinamentos visando as competições oficiais[2] .

Recebeu convocação pelo técnico Pelé do Vôlei para representar na categoria infantojuvenil a Seleção Mineira na edição da divisão especial do Campeonato Brasileiro de Seleções de 2009, este sediado em Limoeiro, Pernambuco, ao final alcançou o título[3].

Atuando pelas categorias de base da APEC/Três Corações sagrou-se vice-campeão do Campeonato Mineiro Infantojuvenil de 2010, sob o comando do técnico Antônio Resende[4].Voltou a ser convocado em 2010 pelo técnico Pelé do Vôlei para representar a Seleção Mineira na categoria infantojuvenil na divisão especial edição do Campeonato Brasileiro de Seleções realizado em Goiânia, Goiás, ocasião que finalizou com o vice-campeonato e era o capitão do grupo[5][6].

Ele foi convocado pelo técnico Percy Oncken no ano de 2010 para a Seleção Brasileira, categoria infantojuvenil, e disputou a edição do Campeonato Sul-Americano, este realizado na cidade de La Guaira, Venezuela[7][8] , e nesta edição sagrou-se vice-campeão e foi eleito o Melhor Bloqueador de toda competição[9].

Também foi convocado pelo técnico Percy Oncken para as categorias de base da Seleção Brasileira para disputar a IX Jogos Sul-Americanos, em Medellín, na Colômbia[10][11][12]e finalizou na quinta posição[13].

Ainda em 2010 representava a sua cidade natal na edição dos Jogos Escolares de Minas Gerais, capitão da equipe, e não participou da fase final devido a convocação para Seleção Brasileira, na categoria infantojuvenil, para amistosos internacionais contra a representação italiana e russa, visando a edição do Campeonato Mundial da categoria no ano seguinte[14].

Em 2011 foi convocado pelo técnico Marcelo Mesquita para representar novamente a Seleção Mineira, desta vez na categoria juvenil, na edição da divisão especial do Campeonato Brasileiro de Seleções sediado em Assu, Rio Grande do Norte, ocasião que finalizou na segunda colocação[15].

Por cinco anos foi atleta da APEC/Três Corações, este mantinha parceria com a Prefeitura Municipal de Três Corações; permaneceu até em 2011, quando enfrentou entraves para conseguir sua transferência para o SESI-SP, clube que já tinha assinado contrato[16] e foi necessário um acordo para a solução do impasse[17] .

O técnico Percy Oncken o convocou também em 2011 para os treinamentos com duração de quatro meses em preparação do Campeonato Mundial Infantojuvenil, sediado nas cidades argentinas de Bahía Blanca e Almirante Brown[18][19] , época que já estava vinculado ao SESI-SP[20] e vestindo a camisa#11 disputou a referida competição[21] f>e alcançou a nona colocação[22].

Atuando pela categoria juvenil do SESI-SP, alcançou em 2012 vestindo a camisa#11 o título da edição da Copa Sada Contagem Juvenil[23], e campeão da VIII Copa Minas[24].

Ele esteve no elenco juvenil da Seleção Brasileira em 2012, sob o comando do técnico Leonardo de Carvalho, para avaliação visando o Campeonato Sul-Americano Juvenil no Brasil[25][26].

Representou em 2012 o Uni Sant’Anna nos Jogos Universitários do Estado de São Paulo (JUESP) e vestindo a camisa#11 sagrou-se vice-campeão[27], também por este sagrou-se campeão invicto da etapa Regional Sul, Sudeste e Centro Oeste da Liga do Desporto Universitário de Quadras 2012, disputada em Campo Grande[28], também disputou a Liga Universitária Paulista no mesmo ano[29] e na fase nacional da LDU alcançou em Goiânia o vice-campeonato[30][31].

Representando a Seleção Mineira , sob o comando do técnico Issanayê Ramires , alcançou o bronze na edição do Campeonato Brasileiro de Seleções, primeira divisão, conquista na categoria juvenil em 2012 na cidade catarinense de São José[32].

Em 2013 já iniciava no elenco profissional do SESI-SP e participou dos amistosos frente a Seleção Brasileira Sub-23[33][34], também disputou o Campeonato Paulista de 2013[35] conquistando o título[36] e inscrito em sua primeira edição da Superliga Brasileira A 2013-14[37], sagrando-se vice-campeão da edição[38], mesmo posto obtido na Copa Brasil de 2014 sediada em Maringá[39].

Na temporada 2014-15 participou de amistosos na pré-temporada[40][41] e da vitória do elenco profissional frente a Seleção Japonesa em amistoso[42].Disputou a edição do Campeonato Paulista de 2014[43]e conquistou o vice-campeonato[44], mesmo resultado obtido na Copa São Paulo deste mesmo ano[45] e também na Superliga Brasileira A 2014-15[1][46]e na Copa Brasil de 2015 em Campinas finalizou na nona colocação.

Em sua última temporada pelo SESI-SP alcançou novamente o vice-campeonato do Campeonato Paulista de 2015[47][48], disputou a edição da Superliga Brasileira A 2015-16[49] quando por este clube classificou-se a fase de quartas de final[50], finalizando na quarta colocação[51], participando de três jogos registrou quatros pontos[52][53].

Após quatro anos nas categorias de base e temporadas atuando como profissional do SESI-SP , foi contratado pela Lebes Gedore/Canoas Vôlei para as competições do período esportivo 2016-17[54]e conquistou o título do Campeonato Gaúcho de 2016[55] e por este clube competiu na edição da Superliga Brasileira A 2016-17[56] alcançando a fase das quartas de final e sofrendo eliminação[57], edição que marcou 241 pontos, sendo 197 pontos de ataques, 19 de saques e 25 de bloqueios[58]; e também por este clube sofreu eliminação também nas quartas de final da Copa Brasil de 2017[59].

Títulos e resultados[editar | editar código-fonte]

Premiações Indiviuais[editar | editar código-fonte]

[carece de fontes?]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. a b «Perfil Álisson do Monte Martins Melo». SESI. Consultado em 26 de março de 2017. Cópia arquivada em 3 de março de 2017 
  2. «Atleta de MS é convocado para seleção brasileira de volei». Vôlei Três Corações. Consultado em 26 de março de 2017 
  3. a b FMV. «Relatório de Atividades-Temporada 2009- Seleções Mineiras- INFANTO-JUVENIL MASCULINA-Pág.18» (PDF). Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original (PDF) em 5 de agosto de 2016 
  4. a b FMV. «FEDERAÇÃO MINEIRA DE VOLEIBOL-Relatório Técnico 2011- CAMPEONATO ESTADUAL INFANTO-JUVENIL Masculino- Prefeitura Municipal de Três Corações-Pág.39» (PDF). Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original (PDF) em 27 de outubro de 2017 
  5. a b FMV. «Relatório de Atividades-Temporada 2010- Seleções Mineiras- INFANTO-JUVENIL MASCULINA-Pág.13» (PDF). Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original (PDF) em 27 de outubro de 2017 
  6. CBV. «Campeonato Brasileiro de Seleções- Infantojuvenil Masculino – Goiás-1ª Divisão :: 12/9 - 18/9- CLASSIFICAÇÃO FINAL». Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 24 de junho de 2016 
  7. CSV. «Sudamericano Masculino de Menores: Brasil vence a Venezuela y se encamina al mundial de la categoría» (em espanhol). 14 de abril de 2010. Consultado em 26 de março de 2017 
  8. CSV. «Suramericano Masculino de Menores: Brasil logró segunda victoria» (em espanhol). 13 de abril de 2010. Consultado em 26 de março de 2017 
  9. CSV. «Argentina campeón del Suramericano de Menores Masculino» (em espanhol). 16 de abril de 2010. Consultado em 26 de março de 2017 
  10. Best Swimming Inc. «EVENTOS-JOGOS ODESUR-BRASIL VAI COM 562 ATLETAS-VOLEIBOL MASCULINO». 16 de março de 2010. Consultado em 26 de março de 2017 
  11. Márcia Oliveira. «Depois de 28 anos, o vôlei está de volta aos Jogos Sul-Americanos». Cachoeiro VIES.com. 20 de fevereiro de 2010. Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 16 de agosto de 2017 
  12. IG Esporte. «Seleções de base representarão o Brasil nos Sul-Americanos». 2 de março de 2010. Consultado em 26 de março de 2017 
  13. Todor66. «Men Volleyball 9th ODESUR Games 2010 Medellin (COL) - 20-24.03 Winner Argentina» (em ingles). Consultado em 13 de junho de 2016 
  14. Lavras 24 Horas. «TRICORDIANO É CONVOCADO MAIS UMA VEZ PARA A SELEÇÃO BRASILEIRA DE VOLEIBOL publicado=15 de agosto de 2010». Consultado em 26 de março de 2017 
  15. a b FMV. «Relatório de Atividades-Temporada 2011- Seleções Mineiras-JUVENIL MASCULINA-Pág.15» (PDF). Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original (PDF) em 4 de agosto de 2016 
  16. «Proposta de acordo para transferência-ASSOCIAÇÃO PRÓ ESPORTE E RECREAÇÃO». Volei Três Corações. Consultado em 26 de março de 2017 
  17. «Resposta a notificação judicial-Contra Notificação Extrajudicial». Volei Três Corações. Consultado em 26 de março de 2017 
  18. «Seleção Brasileira Infanto-Juvenil de Vôlei convoca 21 atletas». Central de Treinamento COB. Consultado em 26 de março de 2017 
  19. «Atletas da seleção de vôlei brasileira infanto-juvenil são definidos». Correio de Uberlandia. Consultado em 26 de março de 2017 
  20. «Atletas do Sesi-SP convocados para Seleção Brasileira Infanto-juvenil de Vôlei Masculino». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  21. FIVB. «FIVB Volleyball Boys' Youth World Championship 2011-TEAM COMPOSITION- BRA / Brazil - Team Composition» (em ingles). Consultado em 26 de março de 2017 
  22. FIVB. «FIVB Volleyball Boys' Youth World Championship 2011- FINAL STANDING» (em ingles). Consultado em 26 de março de 2017 
  23. a b Sada Vôlei. «Sesi vence Copa Sada Contagem; Juvenil celeste conquista bronze». 30 de abril de 2012. Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 16 de agosto de 2017 
  24. a b Minas Tênis Clube. «Minas é vice-campeão e terceiro lugar na VIII Copa Minas de Vôlei Masculino». 10 de setembro de 2012. Consultado em 26 de março de 2017 
  25. Uipi. «Técnico faz avaliação antes da convocação». 27 de maio de 2012. Consultado em 26 de março de 2017 
  26. Correio de Uberlândia. «Seleção brasileira juvenil masculina de vôlei passa por nova avaliação». 27 de maio de 2012. Consultado em 26 de março de 2017 
  27. a b Fupe. «UNIP é campeã do Vôlei Masculino e vai ao JUBs 2012». 30 de agosto de 2012. Consultado em 26 de março de 2017 
  28. a b CBDU. «Finalizada etapa Regional S/SE/CO da Liga de Quadras» (PDF). 6 de maio de 2012. Consultado em 26 de março de 2017 
  29. Fupe. «Paulistas na LDU: Vôlei Masculino UniSant'Anna». 15 de maio de 2012. Consultado em 26 de março de 2017 
  30. a b Melhor do Vôlei. «Monte Cristo leva a Liga do Desporto Universitário de Quadras 2012». 19 de junho de 2012. Consultado em 26 de março de 2017 
  31. Centro Universitário Sant’Anna. «Uni Sant'Anna é campeã no Handebol Feminino na LDU». 18 de junho de 2012. Consultado em 26 de março de 2017 
  32. a b FMV. «FEDERAÇÃO MINEIRA DE VOLEIBOL-Relatório Técnico 2012- SELEÇÃO MINEIRA JUVENIL MASCULINA -3° COLOCADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE SELEÇÕES–1ªDIVISÃO -Pág.18» (PDF). Consultado em 26 de março de 2017 
  33. «Vôlei: Sesi-SP vence seleção brasileira sub-23 por 4 a 0 em amistoso». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  34. «No segundo amistoso, seleção sub-23 vence Sesi-SP no vôlei masculino». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  35. Guilherme Abati. «Sesi-SP supera São Caetano e avança para semifinal do campeonato paulista». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  36. a b Ariett Gouveia. «Sesi-SP vence Brasil Kirin e é campeão paulista masculino de vôlei». SESI-SP. 31 de outubro de 2013. Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 1 de fevereiro de 2014 
  37. VôleiBrasil.org. «Superlia 2013-2014- SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA SP (M)». Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 2 de fevereiro de 2014 
  38. a b CBV. «Superliga 2013/2014- Classificação-Superliga Masculina». Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 24 de março de 2017 
  39. a b Clarissa Laurence e Vicente Condorelli (25 de janeiro de 2014). «COPA BRASIL MASCULINA: Sada Cruzeiro vence o Sesi-SP em grande jogo e é campeão». CBV. Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 28 de agosto de 2017 
  40. Lucas Dantas. «Vôlei masculino do Sesi-SP abre temporada com derrota em amistoso». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  41. Lucas Dantas. «Sesi-SP evolui, mas perde para o Taubaté no segundo amistoso da temporada». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  42. Lucas Dantas. «Sesi-SP vence Japão em amistoso internacional». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  43. Lucas Dantas. «Com o reforço de Lucarelli, Sesi-SP encara São Bernardo nas quartas do Paulista de vôlei». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  44. a b Filipe Rodrigues. «No tie-break, Taubaté vence Sesi-SP e fatura o inédito título Paulista de vôlei». GloboEsporte.com. Consultado em 26 de março de 2017 
  45. a b Lucas Dantas. «Sesi-SP luta, mas acaba derrotado na final da Copa São Paulo de Vôlei Masculino». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  46. a b Ahe!Brasil. «Sada Cruzeiro derrota o Sesi e conquista o título da Superliga pela terceira vez». Consultado em 26 de março de 2017 
  47. a b Vicente, Valtencir (1 de novembro de 2015). «Taubaté Vôlei festeja o bicampeonato Paulista». Jogando Juntos. Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 4 de maio de 2016 
  48. Amanda Demétrio. «Sesi-SP é vice-campeão paulista de vôlei masculino». FIESP. Consultado em 26 de março de 2017 
  49. CBV. «Superliga 2015/2-16-SESI-SP-ATLETAS». Consultado em 26 de março de 2017 
  50. GloboEsporte.com. «Sesi-SP enfrenta Montes Claros nas quartas de final da Superliga masculina». 13 de março de 2016. Consultado em 26 de março de 2017 
  51. a b CBV. «Superliga 2015/2016- Classificação-Superliga Masculina». Consultado em 26 de março de 2017 
  52. CBV. «Superliga 2015/2016- Superliga Masculina- Estatísticas Jogador». Consultado em 26 de março de 2017 
  53. CBV. «Superliga 2015/2016- Superliga Masculina- ALISSON MELO». Consultado em 26 de março de 2017 
  54. Moreno Carvalho. «Após anunciar centrais, Canoas apresenta novos pontas». Final. Consultado em 26 de março de 2017 
  55. a b «Bento Vôlei perde o segundo jogo para o Canoas e fica com o vice-campeonato gaúcho». Pioneiro. 1 de novembro de 2016. Consultado em 26 de março de 2017 
  56. «Vôlei Canoas apresenta elenco para a temporada 2016/17». Saque Viagem. 28 de julho de 2016. Consultado em 26 de março de 2017 
  57. «Sada Cruzeiro elimina Vôlei Canoas e é o primeiro semifinalista da Superliga Masculina». Click RBS. 26 de março de 2017. Consultado em 26 de março de 2017 
  58. CBV. «Superliga 2016/2017- Superliga Masculina- 11-Alisson do Monte Martins MELO». Consultado em 26 de março de 2017 
  59. CBV. «Sada Cruzeiro é o quarto semifinalista classificado». 11 DE JANEIRO DE 2017. Consultado em 26 de março de 2017. Arquivado do original em 31 de janeiro de 2017