Aeroporto Internacional de Bagé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Airport symbol comercial.png
Bagé
Aeroporto Internacional Comandante Gustavo Kraemer
IATA: BGX - ICAO: SBBG
Características
Tipo Público
Administração INFRAERO
Serve Bagé
Localização Brasil Bagé, Rio Grande do Sul
Inauguração 5 de julho de 1946 (70 anos)
Coordenadas 31° 23' 27" S 54° 06' 35" O
Altitude 183 m (600 ft)
Mapa
SBBG está localizado em: Brasil
SBBG
Localização do aeroporto no Brasil
Pistas
Cabeceira(s) Comprimento Superfície
14 / 32 1 149 m (3 770 ft) Grama
06 / 24 1 500 m (4 921 ft) Concreto
Notas
Dados da FAB[1]

O Aeroporto Internacional de Bagé - Comandante Gustavo Cramer (IATA: BGXICAO: SBBG) é um aeroporto brasileiro, localizado na cidade de Bagé, no estado do Rio Grande do Sul, que não opera voos regulares.

Em 8 de fevereiro de 1952 o nome do aeroporto foi alterado em homenagem ao comandante Gustavo Cramer.[2]

O Aeródromo Municipal foi criado em 1932, na área que hoje é do Aeroclube de Bagé. Em 1943, foi transferido para a área atual. O primeiro terminal de passageiros foi construído em madeira de lei, próximo à cabeceira da pista 14. Assim o aeroporto foi inaugurado, em 5 de junho de 1946, e passou a ser chamado de Aeroporto de Bagé.

Em 1950, foi construído um novo terminal de passageiros de concreto, e em 1953 recebeu a denominação de Aeroporto Comandante Gustavo Cramer, em homenagem ao Fundador da empresa SAVAG. Na década de 1960, foram construídas as pistas 05/23 de concreto, medindo 1500 x 30m, e o pátio de manobras, medindo 65 x 55m.

O atual terminal de passageiros foi inaugurado em 5 de março de 1974, com a presença do então presidente da república Emílio Garrastazu Medici. Em 27 de outubro de 1980, a Infraero assumiu a gerência do aeroporto.

Em 2001 foi habilitado a receber voos internacionais. Com isso, o Aeroporto de Bagé registrou um aumento considerável no número de operações a partir do Uruguai e da Argentina, envolvendo aeronaves que faziam sua entrada no país através de Uruguaiana ou Porto Alegre, as quais passaram a utilizar Bagé devido a sua posição geográfica, mais ao centro do estado.

fonte: Infraero

Ligações Aéreas[editar | editar código-fonte]

O aeroporto está se preparando para receber voos regulares, o que deve acontecer em 2017.[carece de fontes?]

Referências

  1. «Publicação Auxiliar de Rotas Aéreas (ROTAER)» (PDF). Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA). 2016. Arquivado desde o original (PDF) em 1 de outubro de 2016. Consultado em 1 de outubro de 2016. 
  2. «Lei n.º 1.555, de 8 de fevereiro de 1952». Presidência da República. Planalto.gov.br. Consultado em 27 de maio de 2007. 


Ícone de esboço Este artigo sobre um aeroporto, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.