Portal:Aviação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo · Temas gerais · Resumo do conhecimento · Portais · Categorias · Listas · Glossários · Índices · Índice A-Z

  Principal   Categorias e Tópicos   Colaboração e Projetos  
Bem vindos ao
Portal da Aviação

Este portal é parte integrante do Projeto Aviação.
O projeto livre que todos podemos editar.

8947 artigos de aviação em português
19 usuários ativos no projeto

Sugestões para o portal
Artigo destacado Apresentação
Aviões Dakota do Esquadrão N.º 38 estacionados em Changi, em 1950

O Esquadrão N.º 38 é um esquadrão de transporte aéreo da Real Força Aérea Australiana (RAAF). Foi criado em 1943 e prestou serviço até ao final da Segunda Guerra Mundial, transportando mercadorias e militares entre a Austrália e as zonas de combate na Nova-Guiné e no Brunei, usando aviões Douglas C-47 Dakota. Depois do conflito mundial, o esquadrão realizou voos de transporte de correio, mercadorias e passageiros entre a Austrália e o Japão, entre 1947 e 1948. Em 1950 o esquadrão foi enviado para a Singapura, onde permaneceu até 1952, providenciando apoio às forças da Commonwealth envolvidas da Emergência Malaia. Em 1954, tornou-se responsável pelo treino de tripulações em operações com o Dakota.

Depois de ter sido re-equipado com aviões de Havilland Canada DHC-4 Caribou, em 1964, o Esquadrão N.º 38 serviu como unidade de conversão operacional para este tipo de aeronave, ao mesmo tempo que continuou a realizar voos de transporte aéreo pela Austrália e seus territórios. Com o envolvimento australiano na Guerra do Vietname, o esquadrão treinou tripulações que mais tarde prestaram serviço pelo Esquadrão N.º 35, mantendo simultaneamente um destacamento na Papua-Nova Guiné para treinar tripulações aéreas em voos em condições tropicais. Entre 1975 e 1978, um avião Caribou foi enviado para o Paquistão, em apoio às missões humanitárias das Nações Unidas, e um destacamento foi estabelecido na Austrália, durante os anos 80, para realizar missões de busca e salvamento em conjunto com o Exército Australiano.


Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Google+ Compartilhe via Twitter

Airplane silhouette.svg

Aviação é a atividade científico-tecnológica, econômica e de transportes que tem por objetivo o estudo, o desenvolvimento e a exploração (utilização, com ou sem fins comerciais) dos aeródinos. É comum as pessoas incorretamente associarem "aviação" como sinônimo de aeronáutica, embora na realidade a aviação seja apenas um dos dois ramos da aeronáutica, sendo o outro ramo a aerostação.

O desenvolvimento primordial da aviação teve início no século XVIII, com a construção do primeiro balão de ar quente, um veículo capaz de se deslocar pela atmosfera. Depois, os avanços mais significativos vieram com com George Cayley, que construiu o primeiro aeródino tripulado e fez os primeiros experimentos científicos com aerodinâmica, e posteriormente com os irmãos Wright e Santos Dumont, que são creditados como os pioneiros na construção dos aeroplanos. Desde então, a aviação vem evoluindo significativamente e tornando-se um importante meio de transporte.


Aviation Projects.png
Artigo bom Imagem em destaqueVE
A Luftwaffe foi a força aérea da Alemanha Nazi

Entre 1933 e 1945, a organização da Luftwaffe sofreu diversas alterações. Originalmente, o Oberkommando der Wehrmacht alemão havia decidido que a organização da força aérea seria baseada na organização dos outros dois ramos independentes: o exército (Heer) e a marinha (Kriegsmarine). Contudo, entre o período de rearmamento alemão e o início da guerra, a Luftwaffe foi sendo organizada de uma maneira geográfica.

Sob os termos do Tratado de Versalhes de 1919, a Alemanha ficou proibida de possuir uma força aérea, depois de a Luftstreitkräfte ter sido dissolvida em 1920. Assim, os pilotos alemães que continuariam a receber treino e formação teriam que o fazer de maneira secreta, primeiro na União Soviética durante os anos 20, e depois na própria Alemanha durante os anos 30; aqui, o treino era realizado por parte da Deutscher Luftsportverband (DLV).


Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Google+ Compartilhe via Twitter

Biografia da semanaVE Aeronave da semanaVE
Ernst Heinkel

Ernst Heinrich Heinkel (Grunbach, Império Alemão, 24 de janeiro de 1888Stuttgart, Alemanha Ocidental, 30 de janeiro de 1958) foi um projetista e fabricante de aviões alemão.

A contribuição de Heinkel foi decisiva para a criação do avião a jato.

História
Seu primeiro trabalho foi como aprendiz em uma fundição. Sua paixão pela aviação começou em 1908 inspirado pelos primeiros voos dos dirigíveis de Ferdinand von Zeppelin.

Construiu seu primeiro avião em 1910 tendo por base projetos do anglo-francês Henry Farman. No ano seguinte sofreu um acidente neste mesmo avião que deixou-o ferido com gravidade. Foi um dos primeiros alemães a construir uma aeronave e voar.

Pouco depois, ele ganhou o emprego na Luft Verkehrs Gesellschaft (LVG), onde eram construídas aeronaves Farman. De lá, foi para Albatros, onde projetou o Albatros B - II, uma aeronave de reconhecimento utilizada durante as fases iniciais da Primeira Guerra Mundial. Depois de deixar o Albatros, Heinkel concebeu vários hidroplanos para o Hansa - Brandenburg empresa criada em 1914.

O avião a jato
Heinkel era apaixonado pelo voo de alta velocidade, e estava interessado em explorar formas alternativas de propulsão das aeronaves. Ele doou uma aeronave ao Centro von Braun, que estava investigando propulsão por foguete para aviões, bem como patrocinando a investigação de Hans von Ohain em motores a jato.

Desenvolveu o Heinkel He 178, o primeiro avião na história a voar exclusivamente com propulsão a jato. Seu motor foi idealizado e desenvolvido pelo engenheiro Hans von Ohain. Seu primeiro voo ocorreu em 27 de agosto de 1939 quando foi pilotado por Erich Warsitz. Em 1 de novembro de 1939, o He 178 foi apresentado aos militares alemães que, entretanto, não se interessaram por ele.


Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Google+ Compartilhe via Twitter
Fairey Rotodyne

O Fairey Rotodyne foi um helicóptero composto ou Girodino designado e desenvolvido pela Fairey Aviation e intencionado para a aviação comercial e militar. Um desenvolvimento do anterior Fairey Jet Gyrodyne que estabeleceu o recorde mundial de velocidade para um helicóptero, o Rotodyne possuía jato-rotores nas pontas de seu rotor principal, que queimavam uma mistura de combustível com ar comprimido para a realização da rotação, possuía também em pequenas asas dois motores turboélices Napier Eland para a propulsão à frente. O rotor fazia como os voos de helicópteros comuns com decolagem e pouso vertical, além de voo pairado, bem como voo transicional de baixa velocidade, e auto rotacionado durante o voo de cruzeiro com toda a força dos motores aplicadas nos propulsores das asas.

Somente um protótipo foi construído, contudo mostrou-se muito promissor em seu conceito e em seus teste de voo, mas o programa foi eventualmente cancelado. Sua terminação foi devida a uma rejeição de encomendas por parte de empresas de aviação comercial, uma das causas prováveis foi pelo fato de o rotor produzir muito ruído causado pelos propulsores das asas. Causas políticas, o projeto foi fundeado pelo governo - que teve também um papel na falta de encomendas, o que acabou condenando o projeto.

Design
O Rotodyne possuía um rotor largo com quatro pás e mais dois motores turboélices propulsores Napier Eland N.E.L 3 montados um em cada ponta das pequenas asas. Para a decolagem e aterrissagem o rotor era provido de quatro jato-rotores nas pontas de suas pás. Estes eram alimentados através de uma canalização dos bordos de ataque das asas que iam até o topo rotor. Cada motor fornecia ar para o par de rotores opostos; o ar comprimido era misturado com combustível e queimado. Como um sistema de torque mínimo de rotor, não necessitou de um sistema anti-torque, sendo o seu giro controlado por pedais que direcionavam dois lemes na cauda em conjunto com o torque dos propulsores em velocidades baixas. Os propulsores fornecem empuxo para o voo translacional enquanto o rotor auto rotaciona. O cockpit incluí um cíclico e um elevador coletivo como em um helicóptero.


Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Google+ Compartilhe via Twitter
23 de abril na aviaçãoVE Eventos atuaisVE
Foto do Cessna Citation Mustang.

Mais eventos: 22 de abril23 de abril24 de abril


Rockwell B-1B preparando para lançar ataque na Síria

Vídeo em destaqueVE Sabia que...VE
Créditos: Autor: U.S. Air Force Fonte: U.S. Air Force

Acidente durante manobras de decolagem de um bombardeiro Northrop Grumman B-2 Spirit na base de Andersen em Guam c.2008.



Boeing 707 CS-TBB da TAP em 1982

... a Força Aérea Portuguesa já operou dois aviões Boeing 707 (na imagem) durante os anos 70, e que eles foram usados para transporte de militares, uma função que deixou de ser realizada com o fim da Guerra do Ultramar, tendo levado as aeronaves a passarem para a companhia aérea TAP? Fontes: Fotos da aeronave ao serviço da FAP, no website oficial da Força Aérea Portuguesa - www.emfa.pt, ONDE ESTÃO OS BOEING 707 DA FAP? - especialistasdaba12.blogspot.pt, Guerra Colonial Boeing 707 na Força - ultimas-curiosidades.blogspot.pt e A linha aérea imperial - www.revistamilitar.pt

... a primeira pessoa da história a falecer por causa da queda de um aeroplano foi o militar Thomas Selfridge em 17 de setembro de 1908?

... 2017 foi o ano mais seguro na história da aviação comercial? Fontes: 2017 foi o ano mais seguro da história da aviação comercial - sicnoticias.sapo.pt e 2017 was the safest year in aviation history - www.telegraph.co.uk

... Um A330 das linhas aéreas do Havaí fez uma viagem ao passado, ao sair da Nova Zelândia quando já passava da meia-noite de 1 de janeiro de 2018 e chegando ao Havaí quando ainda era manhã de 31 de dezembro de 2017? Isto se deu devido aos diferentes fusos horários no globo. Fonte: Avião levantou voo em 2018 e aterrou em 2017 - sicnoticias.sapo.pt

... a Fábrica da Boeing de Everett é, de longe, o maior edifício do mundo? Fonte: Biggest buildings in the World - www.atlasandboots.com

Categorias Colabore
Colabore!

Agradecemos o seu interesse por ampliar e melhorar os artigos relacionados com a Aviação na Wikipédia! Abaixo algumas coisas que esperam a sua colaboração.


Este portal faz parte dos Avion silhouette.svg Projeto Aviação e Airport symbol.svg Projeto Aeroportos do Brasil


Nossos grupos
Veja também


Portal A Wikipédia possui o
Portal da Aviação



Portais e projetos relacionados
Aviação em outros projetos Wikimedia
Aviação no Wikinotícias     Aviação no Wikiquote     Aviação no Wikilivros     Aviação no Wikisource     Aviação no Wikcionário     Aviação na Wikiversidade     Aviação no Wikivoyage     Aviação no Commons
Notícias Citações Livros didáticos e manuais Biblioteca Definições Recursos de aprendizado Guias de viagem Imagens e mídia
https://pt.wikinews.org/wiki/Special:Search/Avia%C3%A7%C3%A3oWikinews-logo.png
https://pt.wikiquote.org/wiki/Special:Search/Avia%C3%A7%C3%A3oWikiquote-logo.svg
https://pt.wikibooks.org/wiki/Special:Search/Avia%C3%A7%C3%A3oWikibooks-logo.png
https://pt.wikisource.org/wiki/Special:Search/Avia%C3%A7%C3%A3oWikisource-logo.svg
https://pt.wiktionary.org/wiki/Special:Search/Avia%C3%A7%C3%A3oWiktionary-logo.svg
https://pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/Avia%C3%A7%C3%A3oWikiversity-logo.svg
https://pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/Avia%C3%A7%C3%A3oWikivoyage-Logo-v3-icon.svg
//pt.wikipedia.org/wiki/Especial:Search/Commons:Avia%C3%A7%C3%A3oCommons-logo.svg