Alcides Carneiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alcides Carneiro
Nascimento 11 de junho de 1906
Princesa Isabel
Morte 22 de maio de 1976 (69 anos)
Brasília
Cidadania Brasil
Alma mater Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pernambuco
Ocupação político, escritor, deputado federal

Alcides Vieira Carneiro (Princesa Isabel, 11 de junho de 1906Brasília, 22 de maio de 1976) foi um advogado, poeta e político brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Começou seus estudos em Princesa Isabel, com o professor Adriano Feitosa, prosseguindo em Fortaleza, estado do Ceará, no Instituto São Luiz e no Liceu Cearense. "Aos onze anos viajei ao Ceará, a terra onde vi o mar e conheci o automóvel e a água encanada".

Iniciou o curso de Direito na capital cearense, mas bacharelou-se no Recife, em 1926, aos 20 anos de idade. A partir de 1930 começou a sua escalada como homem público. Antes de transferir-se para o Rio de Janeiro, foi nomeado prefeito de Princesa Isabel, após a morte do presidente João Pessoa, não chegando a tomar posse no cargo porque o município foi ocupado pelas Forças do Exército, por ordem do Ministro da Guerra. Foi nomeado, então, interventor do município paulista de Itápolis. Outros cargos que exerceu: Inspetor do Ensino Secundário, no Rio de Janeiro; Procurador da República, no estado de Espírito Santo; Oficial de Gabinete do Ministro da Educação; Consultor Jurídico do Ministério da Educação e Advogado da Polícia Militar, no Rio de Janeiro; Curador de Massas Falidas, no Rio de Janeiro. Exerceu, ainda, as Curadorias de Menores e de Família e Procurador de Justiça. Quando faleceu, era Ministro do Superior Tribunal Militar e Presidente da Campanha Nacional das Escolas da Comunidade.

Além de advogado e político, Alcides Carneiro era, acima de tudo, um grande orador, seus discursos sensibilizavam qualquer público. Era também, poeta e trovador. Membro da Academia Carioca de Letras, Delegado da Academia Paraibana de Letras, junto à Federação das Academias Brasileiras de Letras do Brasil.

Academia Paraibana de Letras[editar | editar código-fonte]

É fundador da cadeira número 34 da Academia Paraibana de Letras, ingressou no dia 3 de novembro de 1962, recepcionado pelo acadêmico Horácio de Almeida. Atualmente a cadeira é ocupada por Humberto Mello.

Precedido por
Antônio Joaquim Pereira da Silva
Cadeira 34
da Academia Paraibana de Letras

1962 - 1976
Sucedido por
João Lyra Filho
Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.