Amelia Warner

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde junho de 2015). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Amelia Warner
Nome completo Amelia Catherine Warner
Nascimento 04 de junho de 1982 (36 anos)
Liverpool, Inglaterra[1]
Nacionalidade britânica
Ocupação atriz, cantora e compositora
Cônjuge Jamie Dornan
IMDb: (inglês)

Amelia Warner ou Amelia Catherine Bennett[1] (Liverpool, 4 de junho de 1982) é uma atriz, cantora e compositora inglesa, também conhecida por se apresentar como Slow Moving Millie.

Biografia[editar | editar código-fonte]

É filha única de Annette Ekblom e Alun Lewis, ambos atores.[2] Logo após o nascimento, seus pais se separaram. Amelia vê seu pai desde criança, mas não fala sobre ele. Aos quatro anos de idade, mudou-se para Londres com sua mãe que estava trabalhando frequentemente no teatro e em estúdios de TV. Tornou-se independente bem cedo, e ela credita isso à influência de sua mãe, pelo fato de também ser atriz, embora Annette a aconselhasse terminantemente a não ser uma atriz a até alguns anos atrás. Sua mãe só aceitou sua carreira quando Amelia conseguiu um papel em Lorna Doone.

Foi descoberta depois que ela e seus amigos bolaram um jogo de atuar no jardim do convento, onde foi vista por um agente e conseguiu logo após um lugar no teatro real da corte de Londres, no programa da juventude. Estudou na Escola Real Massônica para meninas até os 16 anos de idade depois no College of Fine Arts em Londres. Entretanto, a escola não aprovava o fato de Amelia dedicar tanto tempo ao seu trabalho, e assim, foi forçada a estudar em uma faculdade no parque de Belize. Amelia representou em alguns papéis na TV, antes de fazer seus papéis maiores em Lorna Doone e Quills, ambos lançados no Natal de 2000.

Com o sucesso da época, Amelia conheceu Colin Farrell, um ator que conheceu na estreia americana de seu filme Quills e com quem namorou.[3] Ela tirou esse ano para acompanhar o namorado, que filmava Hart's War em Praga. Os dois se casara em 17 de Julho de 2001, em uma praia no Taiti, mas se separaram em outubro do mesmo ano, após completarem um ano juntos. O que restou de lembrança um do outro foi a tatuagem que Colin fez em seu dedo anelar - Ele tem Milly tatuado em seu dedo. De lá para cá, Amelia tem filmado longas e também participou de alguns curtas, como The Other Side, lançado em 2012.

Depois de casada e com o nascimento da primeira filha Dulcie Dornan em 2013, Amélia resolveu tirar um tempo da sua carreira para se dedicar à família. Em 2015 lançou seu primeiro álbum Arms com músicas clássicas. Em 2016, teve a sua segunda filha Elva Dornan e no mesmo ano resolveu se arriscar como compositora de trilhas sonoras de filmes. De acordo com sua entrevista à revista britânica Independent o seu primeiro trabalho foi no filme Mum's List, filme de drama lançado em novembro de 2016. Em 2017 compôs também o EP Visitors. Um álbum com sete canções instrumentais. Warner toca piano e órgão em Visitantes , que também é marcado para violino, viola, violão e contrabaixo." Os visitantes são sobre uma casa imaginária onde todas essas mulheres já viveram", explica. "A energia deixada lá depois de terem ido. Eu queria que soasse como música no andar de cima flutuando por uma escada"[4]. Agora em 2017, compôs a sua segunda trilha sonora para o filme Mary Shelley, lançado no Festival Internacional de Filmes de Toronto em 09 de setembro.

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Amelia foi casada com Colin Farrell,[5] embora os dois insistam que a cerimônia nunca foi realmente considerada legal.[6] Em abril de 2013 se casou com o ator e ex-modelo Jamie Dornan com quem tem uma filha, Dulcie, nascida em 21 de novembro de 2013, em Vancouver. A segunda filha do casal nasceu em fevereiro de 2016 e em março de 2019 nasceu a terceira filha do casal.[7]

Slow Moving Millie[editar | editar código-fonte]

Amelia começou sua carreira musical em julho de 2009, quando ela escreveu e cantou a música “Beasts“, sob o nome Slow Moving Millie para um comercial de televisão da Virgin Media. A faixa foi então lançada em 17 de agosto do mesmo. Seu segundo single, “Rewind City” foi usado também para um outro anúncio, para Orange UK e foi dirigido por Ringan Ledwidge. Em outubro de 2011, Warner assinou um contrato com a Island Records juntamente com a Universal Records. Sua versão cover da música  “Please, Please, Please, Let Me Get What I Want” da banda The Smiths foi lançada em 11 de novembro de 2011 e  foi selecionada como trilha sonora para o anúncio de Natal de John Lewis, fazendo Amelia ganhar grande reconhecimento no Reino Unido.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

Título Detalhes Posições
UK
Renditions[8]
  • Álbum de Studio
  • Lançamento: 12 de Dezembro de 2011
  • Gravadora: Universal / Island
89
Título Detalhes Posições
UK
Arms EP

Lançamento: 17 de Julho de 2015

Gravadora:  Universal Music

33
- USA
- 3

Singles[editar | editar código-fonte]

Ano Single Posição Álbum
UK
2009 "Beasts" Renditions
2011 "Please, Please, Please, Let Me Get What I Want" 31

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Nomeação Resultado Ref
2018 World Soundtrack Awards Descoberta do Ano Mary Shelly Nomeada [9]
IFMCA Awards Compositor Inovador do Ano Mary Shelly Ganhou [10]

Referências

  1. a b Southern, Nathan. «Amelia Warner». AllMovie / Rovi via The New York Times. Consultado em 17 de dezembro de 2013 
  2. «Interview: Annette Ekblom». the freelibrary. Consultado em 25 de Junho de 2015 
  3. Hogan, Dave (17 de dezembro de 2011). «Colin's pretty ex is a Farrelly-y good singer». The Sun. London 
  4. «Amelia Warner on music and her marriage to 'Fifty Shades Darker' actor Jamie Dornan». The Independent (em inglês). 2 de março de 2017. Consultado em 2 de abril de 2019 
  5. Thompson, Anne (23 de fevereiro de 2003). «How to make it big, the Colin Farrell way». The Guardian. London 
  6. Hogan, Dave (17 de dezembro de 2011). «Colin's pretty ex is a Farrelly-y good singer». The Sun. London 
  7. «Jamie Dornan and Wife Amelia Warner Welcome Baby Girl: 'Feeling Incredibly Lucky'». PEOPLE.com (em inglês) 
  8. Renditions: Slow Moving Millie: Amazon.co.uk: Music
  9. Awards, World Soundtrack. «Discovery of the Year - Awards». World Soundtrack Awards. Consultado em 2 de abril de 2019 
  10. «Amelia Warner no Instagram: "So thrilled!!!! Thank you IFMCA! This means the world.."». Instagram. Consultado em 2 de abril de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Este artigo sobre uma atriz é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.