Antónia Mesina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Antónia Mesina (Orgosolo, 21 de junho de 1919 - Orgosolo, 17 de Maio de 1935), jovem mártir de dezasseis anos, da Sardenha, na Itália, que foi morta por defender a sua virgindade e castidade. Por isso foi beatificada, por defender com a vida a sua honra e pureza.

Fui beatificada pela Igreja Católica em 4 de Outubro de 1987 pelo papa João Paulo II no Vaticano. Sua festa se celebra no dia 17 de Maio.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]