Antilhas francesas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

As Antilhas francesas[1][2] são um conjunto de ilhas não necessariamente unidas politicamente, entre as quais: Martinica, Guadalupe (arquipélago composto de 6 ilhas: Grande-Terre e Basse-Terre, La Désirade, Marie Galante, e as Ilhas "Les Saintes"), São Bartolomeu e São Martinho (lado francês).

Desde 1946 Guadalupe (junto com suas dependências) e Martinica são departamentos de ultramar da França. São Bartolomeu e São Martinho, antigas dependências de Guadalupe, são coletividades de ultramar desde 15 de julho de 2007.

A presença francesa na América Central foi fraca. Como a coroa francesa se recusava a assumir as despesas da colonização, o projeto foi impulsionado pela iniciativa privada, por meio de companhias de comércio.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Alcàzar, Joan del (1 de janeiro de 2003). Historia contemporánea de América (em espanhol) Universitat de València [S.l.] ISBN 9788437056708. Consultado em 21 de setembro de 2016. 
  2. Regnault, Élias (1 de janeiro de 1846). Historia de las Antillas (em espanhol) Impr. del Fomento [S.l.] Consultado em 21 de setembro de 2016. 
Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.