Ashoka Empreendedores Sociais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Se procura por o imperador indiano, veja Asoka.

Ashoka Empreendedores Sociais [1] é uma organização internacional sem fins lucrativos, com foco em empreendedorismo social, fundada na Índia por Bill Drayton em 1980.

História[editar | editar código-fonte]

Bill Drayton foi inspirado por Mahatma Gandhi e pelo Movimento dos Direitos Civis.[2] Drayton queria mitigar a desigualdade de renda através do empreendedorismo social.[2]

A organização recebeu o nome do imperador Ashoka, o governante do Império Máuria durante o século III a.C..[3] O imperador Ashoka reconheceu o sofrimento que ele causou pela unificação de seu império e ele promoveu a tolerância religiosa e filosófica e a importância primordial da moral ao trabalhar para o público.[4]

Atuando desde 1987 no Brasil,tem investido em empreendedores sociais, conhecidos como fellows, dentre outros. São pessoas que através de suas ideias geram mudanças dentro da sociedade em que se vive, por exemplo: Diminuição da desigualdade social.

Com mais de 380 empreendedores espalhados pelo Brasil, e superando a marca de 3.000 mil em todo o mundo, em 80 países com atuação em diversas áreas, tais como saúde, educação, juventude, meio ambiente, direitos humanos, desenvolvimento econômico e participação cidadã.

Referências

  1. http://brasil.ashoka.org
  2. a b Barnes, Denise. "Ashoka's entrepreneurial vision fosters social change". The Washington Times. August 12, 2002. p. B08.
  3. Karkabi, Barbara. "Tomorrow, the world: Interest in foreign affairs leads young Houstonian down an international career path". The Houston Chronicle. September 24, 1996. p. 1.
  4. Geracimos, Ann. "William Drayton". The Washington Times. March 23, 1994. p. C14.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Organizações não governamentais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.