Autopista Régis Bittencourt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Autopista Régis Bittencourt
Razão social Autopista Regis Bittencourt S.A.
Sociedade anônima
Gênero Concessionária de rodovias
Fundação 2008
Sede Brasil Registro, SP
Proprietário(s) Arteris
Presidente Eneo Palazzi
Website oficial http://www.autopistaregis.com.br/?link=home.inicial

A Autopista Régis Bittencourt é uma concessionária de rodovias brasileira fundada em 2008, responsável pela gestão de 402,6 quilômetros da rodovia Régis Bittencourt (BR-116), que liga as cidades de São Paulo (SP) e Curitiba (PR). Seu controle acionário pertence a Arteris.[1]

A concessão para administrar e conservar a Régis Bittencourt por 25 anos foi obtida em leilão realizado em 9 de outubro de 2007. O contrato de concessão foi assinado em 14 de fevereiro de 2008 e prevê investimentos de R$ 3,9 bilhões e a responsabilidade pela administração, manutenção, recuperação e outras melhorias na BR-116 entre as cidades de São Paulo (SP) e Curitiba (PR).

Cidades abrangidas[editar | editar código-fonte]

O percurso do trecho sob concessão compreende 17 municípios localizados no Paraná e São Paulo. São eles:

No Estado de  São Paulo:

No Estado do  Paraná:

Praças de pedágio[editar | editar código-fonte]

São seis as praças de pedágio ao longo do trecho concedido à Autopista Régis Bittencourt. Elas estão situadas nos seguintes pontos:

Pedágio km UF Localidade/Município Sentido
1 299 SP São Lourenço da Serra Bidirecional
2 370 SP Miracatu Bidirecional
3 426 SP Juquiá Bidirecional
4 485 SP Cajati Bidirecional
5 542 SP Barra do Turvo Bidirecional
6 057 PR Campina Grande do Sul Bidirecional

Tarifas do pedágio[editar | editar código-fonte]

Atualmente os valores das tarifas são:[2]

*Tarifas atualizadas em 01 de janeiro de 2017

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.