Bang Bang (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bang Bang
 Brasil
1971 •  cor •  93 min 
Direção Andrea Tonacci
Roteiro Andrea Tonacci
Elenco Paulo César Pereio
Género Experimental
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Bang Bang é um filme brasileiro de 1971, com Paulo César Pereio e dirigido por Andrea Tonacci. Em novembro de 2015 o filme entrou na lista feita pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) dos 100 melhores filmes brasileiros de todos os tempos.[1]

Bang Bang não conseguiu ser programado no circuito comercial, ficando restrito a cineclubes e salas alternativas, mas foi, por outro lado, convidado a participar na prestigiosa Quinzena de Realizadores do Festival de Cannes.[carece de fontes?]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Homem neurastênico que, durante a realização de um filme, se vê envolvido em várias situações como o romance com uma bailarina espanhola, perseguições, discussões com um motorista de táxi e o enfrentamento com um bizarro trio de bandidos.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Paulo César Pereio
  • Abrahã Farc
  • Jura Otero
  • Ezequiel Marques
  • José Aurélio Vieira
  • Thiago Veloso
  • Antônio Naddeo
  • Thales Penna
  • Milton Gontijo

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. André Dib (27 de novembro de 2015). «Abraccine organiza ranking dos 100 melhores filmes brasileiros». Abraccine. abraccine.org. Consultado em 26 de outubro de 2016. 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.