Boat Trip

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Boat Trip
O Barco do Amor (PT)
Cruzeiro das Loucas (BR)
2003 • cor • 94 min 
Direção Mort Nathan
Roteiro Mort Nathan
William Bigelow
Elenco Cuba Gooding Jr.
Horatio Sanz
Roselyn Sanchez
Vivica A. Fox
Género comédia
País  Estados Unidos
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Boat Trip (Cruzeiro das loucas (título no Brasil) ou O Barco do Amor (título em Portugal)) é um filme estadunidense de 2003, do gênero comédia, dirigido por Mort Nathan e estrelado por Cuba Gooding Jr.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Jerry (Cuba Gooding Jr.) e Nick (Horatio Sanz) são dois grandes amigos, cujas vidas amorosas estão um desastre. Jerry vomitou em sua namorada, Felícia (Vivica A. Fox), dentro de um balão de ar quente, enquanto tentava lhe pedir a mão em casamento. Mas, ao receber o pedido, ela recusa, pois diz que está apaixonado por outro. 6 meses se passam, Nick convence Jerry a fazer uma viagem num cruzeiro, para relaxar e, claro, para fazer sexo com várias mulheres. Entretanto, o agente de viagem engana os dois, pois, Nick havia insultado seu secreto amante gay, e os dois acabam indo para um navio cheio de homossexuais. Jerry toma vantagem da situação ao conhecer Gabriella (Roselyn Sanchez), uma bela instrutora de dança, e tenta se aproximar dela fingindo ser gay. Desesperado, Nick acaba atirando num helicóptero, que cai em pleno oceano e que, para sua sorte, continha um grupo de modelos suecas. Quando elas foram resgatadas, logo Nick conhece a modelo Inga (Victoria Silvstedt) e se apaixona por ela, no entanto, ele não sabia que a treinadora, Sonya, não queria homens heterossexuais por perto, mas Nick não desiste, mesmo que em meio a seu caminho, viva tendo que evitar as cantadas de Sonya, que no fundo é uma ninfomaníaca nata. Mais tarde, Felícia, a ex-namorada de Jerry, acaba entrando a bordo à procura dele. Mas, ela não sabia que o cruzeiro era para gays, e acaba vendo Jerry se apresentando em um show do navio vestido de pavão. Jerry tenta explicar a Felícia que aquilo era na verdade um engano, é onde Gabriella descobre que Jerry é heterossexual. A partir daí, Jerry vai em busca de Gabriella dizendo que a ama depois de abandonar seu casamento com Felícia, paralelamente Nick vai em busca de Inga.[1]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Crítica[editar | editar código-fonte]

Boat Trip teve uma recepção negativa por parte da crítica profissional. No site Rotten Tomatoes o filme possui Tum omatometer de apenas 7% ,baseado em 88 críticas. Por parte da audiência do site a aprovação é de 36%.[3]

Controvérsia[editar | editar código-fonte]

O filme foi criticado acerbamente e executado pobremente. Chris Rock chegou a fazer piadas sobre Cuba Gooding Jr. durante a entrega do Oscar de 2005, por atuar neste filme depois de receber um Oscar. Alguns críticos e parte do público considerou o filme homofóbico. Um crítico do The Advocate, a mais antiga publicação estadunidense dedicada à comunidade LGBT, disse que o filme era muito terrível para protestar.

Referências

  1. Filme - O Cruzeiro das Loucas (Boat Trip) - CinePOP (em português). Visitado em 1 de janeiro de 2014.
  2. Cruzeiro das Loucas (Boat Trip) - 2002 - InterFilmes.com (em português). Visitado em 1 de janeiro de 2014.
  3. Boat Trip - Rotten Tomatoes (em inglês). Visitado em 1 de janeiro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]