Boi de mamão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde junho de 2015)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.
Fantoche representando uma Bernunça, personagem do Boi-de-mamão

O boi-de-mamão é uma expressiva manifestação folclórica que ocorre no estado de Santa Catarina, Brasil, sendo encenado principalmente na região litorânea. Trata-se de um auto em tom cômico, mas com um elemento central dramático: a morte e a ressurreição do boi. Apresenta elementos comuns com o bumba-meu-boi nordestino.

Origem[editar | editar código-fonte]

Inicialmente era chamado boi-de-pano e para a atual denominação, existem registros históricos que datam de 1840. Quanto a sua origem, há divergências entre pesquisadores. Alguns afirmam que a brincadeira foi adicionada a cultura catarinense pelos açorianos[1] que ali chegaram no século XVIII. Outra vertente, afirma que a cultura do boi-de-mamão chegou a Ilha de Santa Catarina com os espanhóis[2] a partir de 1500.

Figurantes[editar | editar código-fonte]

O boi-de-mamão inerentemente usa voluntários para protagonizarem o festejo, sendo que estes são postos sob as fantasias, que são feitas por uma armação de metal ou madeira e por pano. Entre as figuras que aparecem no boi-de-mamão estão: o boi, o proprietário do boi, a bernuncia e seu filhote, a maricota, o doutor, a viúva, o cavalinho, os outros bois, os corvos, podendo faltar algumas delas.

O bernunça ou bernuncia é uma espécie de bicho-papão que engole tudo o que encontra pela frente.

Referências

  1. História da tradição do boi-de-mamão em SC Universidade do Extremo Sul Catarinense - UNESC - acessado em 1 de março de 2018
  2. Pesquisador aponta novas origens para folclore do boi de mamão Notícias UFSC - acessado em 1 de março de 2018

Ligações externas[editar | editar código-fonte]