César Mourão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


César Mourão
Nascimento 1 de agosto de 1978 (36 anos)
Lisboa, Portugal
Nacionalidade Portuguesa
Ocupação Actor, apresentador de televisão e comediante português

César Filipe Tapadinhas Mourão (1 de Agosto de 1978) é um actor, apresentador de televisão e comediante português. É conhecido pelas suas colaborações com Herman José no programa Hora H[1] , e pelos personagens cómicos (como Alzira) que interpretou no programa Fátima. Durante o verão de 2009 integrou o programa SIC ao Vivo que percorria o país. Em 2011/2012 apresentou o "Para Algo Completamente INdifrente" na SIC Radical. Desde 2011 até 2014, apresentou o programa Gosto Disto (com Andreia Rodrigues)[2] , em 2013 e 2014 participou como residente nas duas temporadas do "Vale Tudo" e no verão de 2013 apresentou o "Cante se Puder" também com Andreia Rodrigues na SIC. Em Agosto de 2014 estreou na SIC a série Sal da qual é protagonista juntamente com Rui Unas, João Manzarra e Salvador Martinha.

Tem uma filha chamada Mariana.

Nos palcos, é parte integrante dos Commedia à la Carte, com Carlos M. Cunha e Ricardo Peres [3] desde 2000. Em 2011 fez, juntamente com Eduardo Madeira, o espetáculo "10 Milhões e Picos". Em 2013 criou o "Cantado Ninguém Acredita", espetáculo onde canta temas de vários autores com muito humor à mistura. Atualmente tem um monólogo intitulado "Esperança - A Velha", da sua própria autoria e de Frederico Pombares.

Toca saxofone, piano e guitarra, faz ilusionismo e malabarismo, sendo, assim, um dos melhores atores portugueses da sua geração.

É conhecido também no Brasil, onde, no ano 2000, estudou Teatro Cinema e Televisão. Em 2013 foi convidado no "Programa do Jô".

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.