Sociedade Independente de Comunicação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: SIC redireciona para este artigo. Para a emissora de televisão brasileira sediada em Porto Velho, veja SIC TV.
SIC
Sociedade Independente de Comunicação
Tipo Canal de televisão Generalista privado, em sinal aberto (Free-to-Air)
País  Portugal
Fundação 6 de outubro de 1992 (23 anos)
por Francisco Pinto Balsemão
Roberto Marinho
Pertence a Grupo Impresa
Presidente Pedro Norton de Matos
Slogan Estamos juntos!
Formato de vídeo 16:9 (desde 4 de outubro de 2015)[1]
SDTV
Afiliações SIC Notícias
SIC Radical
SIC Mulher
SIC K
SIC Internacional
SIC Caras
Cobertura  Portugal
Terra SIC Internacional
Cobertura internacional Satélite
Países abrangidos pela SIC Internacional
Página oficial sic.sapo.pt
Disponibilidade aberta e gratuita
Canal 3
Disponibilidade por satélite
NOS
Canal 3
MEO (Satélite)
Canal 3
NOS
Canal 3
Disponibilidade por cabo
NOS
Canal 3
MEO
Canal 3
Cabovisão
Canal 3
Disponibilidade via ADSL
MEO (ADSL)
Canal 3
NOS
Canal 3
Vodafone Casa
Canal 3

A Sociedade Independente de Comunicação (mas conhecida como SIC) é a primeira estação de televisão portuguesa de carácter privado.

As suas emissões iniciaram-se a 6 de Outubro de 1992, tornando-se no terceiro canal generalista.

História[editar | editar código-fonte]

A SIC - Sociedade Independente de Comunicação é uma estação de televisão portuguesa, criada na primavera de 1992, nasceu pouco antes das 16h30 do dia 6 de Outubro desse ano, pondo fim a um serviço exclusivo de 35 anos de televisão estatal, sendo a primeira estação televisiva independente e comercial de Portugal.

O capital da SIC é detido, na sua totalidade, pela Impresa - SGPS, SA, o maior grupo privado de média em Portugal liderado por Francisco Pinto Balsemão, através da própria empresa-mãe e da subsidiária Impresa Serviços II.

Os sócios fundadores da SIC foram:

A gestão da sociedade compete a um Conselho de Administração, que é o seu mais elevado órgão de gestão e a quem compete aprovar as orientações estratégicas da empresa e a uma Comissão Executiva que é responsável pela gestão corrente da sociedade.

Direção da SIC[editar | editar código-fonte]

Programas[editar | editar código-fonte]

  • Luís Marques (Diretor-geral de Conteúdos )
  • Júlia Pinheiro (Diretora de Gestão e Desenvolvimento de Conteúdos)
  • Gabriela Sobral (Diretora de Produção e Coordenação de Projetos)
  • Luís Proença (Diretor de Antena e Gestão da Programação )
  • Daniel Oliveira (Sub-diretor de Gestão e Desenvolvimento de Conteúdos)
  • Guilherme Simões (Sub-diretor de Produção e Coordenação de Projetos)

Na liderança da Direção de Programas da SIC estiveram:

Informação[editar | editar código-fonte]

Na liderança da Direção Geral da SIC estiveram:

  • Emídio Rangel (1992-2001)
  • José Bastos e Silva (2002-2008)
  • Luís Marques (Atual desde 2009)

O seu Conselho de Administração é liderado por Pedro Norton, desde 2012 presidente do Grupo Impresa.

Cronologia[editar | editar código-fonte]

Formato de imagem[editar | editar código-fonte]

Desde o inicio do ano de 2015 a SIC procedeu a "testes" com as séries da madrugada transmitindo-as em anamórfico 16:9 sem flag. A 6 de setembro de 2015, passou em 16:9 com flag (embora com o DOG ainda proporcionado para 4:3) a gala de lançamento da novela Coração d'Ouro. A 7 de setembro de 2015, a referida novela foi emitida em 16:9 com flag e com o DOG com proporções 16:9, a primeira novela a emitir na SIC generalista neste formato. As emissões da SIC e da SIC Notícias (que ainda estavam por transitar) passaram para 16:9 integral a 3 de outubro de 2015.

A transição para a resolução HD (Alta Definição) ainda não está prevista.

Programas[editar | editar código-fonte]

Durante os anos 1990, a SIC exibiu vários programas, como o Big Show SIC que estreou em 1995 apresentado por o João Baião e Roda dos Milhões que estreou em 1998 e foi apresentado por Jorge Gabriel ou a série Médico de Família estreada em 1997. Em 2000 e 2001, vários programas do canal chegaram ao fim como Médico de Família, Ponto de Encontro, Fátima Lopes, Roda dos Milhões ou Big Show SIC. Em 2004, começa a ser transmitido o programa Levanta-te e Ri que foi líder de audiências depois do horário nobre. A 31 de Julho de 2006, o programa terminou depois de Francisco Penim, diretor de programas na altura, o ter cancelado. Penim foi mais tarde despedido, no entanto o programa não voltou à antena.

Apresentadores[editar | editar código-fonte]

Jornalistas[editar | editar código-fonte]

Slogans[editar | editar código-fonte]

Audiências[editar | editar código-fonte]

1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013
8,5% [3] 14,3% [4] 28,4% [5] 41,4% [6] 48,6% [7] 49,3% [8] 49,2% [9] 48,1% [10] 45,4% [11] 37,1% [12] 35,3% [13] 34,6% [14] 33,6% [15] 31,7% [16] 30,4% [17] 29,7% [18] 29,3% [19] 28,5% [20] 23,4% [21] 21,8% [22] 21,8% [23] 21,1% [24]
2014 2015
19,1% [25] 18,7% [26]
2015 Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Média anual
19,8% [27] 18,7% [28] 19.1% [29] 19.7% [30] 19% [31] 18,8% [32] 18,6% [33] 18% [34] 19.4% [35] 18% [36] 17,6% [37] 17,9% [38] 18,6% [39]

Canais SIC[editar | editar código-fonte]

Logótipo Nome Descrição Slogan Formato Fundação
Sic logo.png
SIC O canal SIC é um canal dedicado á informação, ficção, desporto, Talk shows, concursos, infanto-juvenil, documentários. Estamos juntos! 16:9 6 de outubro de 1992 (23 anos)
SICNoticias.jpg
SIC Notícias A SIC Notícias é o canal de televisão por cabo da SIC dedicado exclusivamente à informação. Os seus olhos no mundo 8 de janeiro de 2001 (15 anos)
Sic mulher.jpg
SIC Mulher É um canal temático destinado ao público feminino com magazines, talk-shows, ficção e reality-shows nacionais e internacionais. Amor para toda a vida! 8 de março de 2003 (12 anos)
Logosicradical.png
SIC Radical Neste canal pode ver as melhores séries, programas de humor nacionais e internacionais, desenhos animados de referência ou programas de crítica social. Ver para querer 23 de abril de 2001 (14 anos)
SIC K Portugal.png
SIC K É o canal infantil/juvenil da SIC. O canal foi pensado exclusivamente para crianças e jovens entre os sete e os quatorze anos. Aventura-te! 18 de dezembro de 2009 (6 anos)
SIC CARAS.png
SIC Caras É o canal temático centra-se no entretenimento e celebridades com grande aposta nos magazines nacionais e internacionais da actualidade, cinema, música e nos conteúdos relacionados com o mundo do espetáculo e a vidas dos famosos. Televisão bonita 6 de dezembro de 2013 (2 anos)
SICInternacional.png
SIC Internacional Um canal dedicado aos portugueses espalhados pelo mundo e aos Países de Língua Oficial Portuguesa.

Em qualquer parte da Europa, América, África, Ásia e Oceania pode ver os programas de informação, desporto, entretenimento que passam na SIC generalista.

Portugal mais perto de si 15 de setembro de 1997 (18 anos)

Identidade visual[editar | editar código-fonte]

Logótipo[editar | editar código-fonte]

O logótipo da SIC foi, inicialmente, desenvolvido por Hans Donner. Com o passar dos anos, o logótipo tem vindo a evoluir até chegar à sua forma presente, com a argola mais esticada, as cores mais claras e vivas, menos brilhante e com animação, tal como os logótipos da RTP1 e da TVI.

Sic logo.png

Grafismos[editar | editar código-fonte]

A SIC sempre teve grafismos brilhantes e coloridos. Desde 2009 que o tema do grafismo são os quadrados coloridos/transparentes a rodar em todas as direções. Até 2014 esse grafismo tem sofrido alterações importantes até ao grafismo atual (2014).

A última mudança de grafismo foi em outubro de 2014, deixando para trás os quadrados transparentes e apostando em quadrados opacos com gradiente entre cores roxo/azul e rosa/vermelho e com alterações na sonoridade. Alguns separadores são adaptados à estação do ano ou a um evento importante na estação os chamados separadores temáticos. Exemplo são os separadores de Outono, Natal, Primavera, Cinema (Pipocas), Chocolates, Verão, Especial Óscares e o mais recente Manhãs de Animação (Infantil).

Em outubro de 2015 o grafismo do espaço informativo foi igualmente renovado (Primeiro Jornal e Jornal da Noite), assim como o grafismo do programa Alta Definição desta forma adaptando-se ao formato 16:9.

Sistema de classificação[editar | editar código-fonte]

A SIC utiliza, assim como a RTP e a TVI, a nova sinalização de emissão que foi criada em 20/02/2012, visando proporcionar aos consumidores de televisão um guia de escolha de programação adequada à sua idade e, aos educadores, uma orientação sobre o visionamento de programas.

Ícone Denominação Descrição
CPT-T.png
Nível 1 - TODOS Esta classificação é atribuída aos programas destinados a todos os públicos, sem restrição de conteúdos.
CPT10AP.png
Nível 2 - 10AP Esta classificação é atribuída aos programas destinados a indivíduos com mais de dez anos, e é aconselhado o acompanhamento parental (AP). Denota-se que em princípio todo o público pode assistir, embora algumas cenas podem não ser aconselhadas a menores mais sensíveis, e os pais devem avaliar o seu conteúdo.
CPT-12AP.png
Nível 3 - 12AP Esta classificação é atribuída aos programas destinados a indivíduos com mais de doze anos, e é aconselhado o acompanhamento parental (AP). Denota-se que em princípio todo o público pré e adolescente pode assistir. O tratamento dos temas deve ser adequado às diferentes fases da adolescência, mas alguns dos tópicos podem exigir um particular grau de maturidade, logo os pais e educadores são aconselhados a avaliar o seu conteúdo.
CPT-16.png
Nível 4 - 16 Esta classificação é atribuída aos programas destinados a indivíduos com mais de dezasseis anos. Presume-se que o público que assiste está previamente informado sobre este tipo de programas e o seu respectivo conteúdo, o qual poderá revelar-se susceptível de influir de modo negativo na formação da personalidade, devido à exibição de conteúdo violento.
Circulo vermelho - Classificação Etária Televisão Portuguesa (+18).png
Nível 5 - 18 Esta classificação é atribuída aos programas destinados a indivíduos com mais de dezoito anos. Presume-se que o público que assiste seja adulto e que está previamente informado sobre este tipo de programas e o seu respectivo conteúdo, o qual poderá revelar-se susceptível de influir de modo negativo na formação da personalidade, devido à exibição de conteúdo violento ou sexual.

Referências

  1. a b SIC emite integralmente em 16:9 a partir de 4 de outubro, Ana Filipe Silveira - Diário de Notícias, 8 de setembro de 2015. Acessado em 2 de outubro de 2015.
  2. http://citizengrave.blogspot.pt/2012/05/sic-20-anos-depois.html
  3. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  4. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  5. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  6. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  7. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  8. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  9. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  10. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  11. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  12. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  13. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  14. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  15. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  16. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  17. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  18. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  19. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  20. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  21. "TVI: O turnaround até à liderança de audiências" (PDF). Consult. 09 de setembro de 2015. 
  22. "Audiência Tv em 2011 e 2012". Consult. 09 de setembro de 2015. 
  23. "Audiência Tv em 2011 e 2012". Consult. 09 de setembro de 2015. 
  24. "TVI líder incontestável pelo nono ano consecutivo". Consult. 27 de agosto de 2015. 
  25. "2014 – Liderança pelo décimo ano consecutivo". Consult. 27 de agosto de 2015. 
  26. "2016 – Audiências 2015: quem ganhou e quem perdeu". Consult. 05 de janeiro de 2016. 
  27. "TVI entra em 2015 a liderar". Consult. 27 de agosto de 2015. 
  28. "TVI em fevereiro mantém liderança". Consult. 27 de agosto de 2015. 
  29. "Março - TVI lidera em mês de grandes estreias". Consult. 27 de agosto de 2015. 
  30. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC abril 2015" (PDF). Consult. 27 de agosto de 2015. 
  31. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC maio 2015" (PDF). Consult. 27 de agosto de 2015. 
  32. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC junho 2015" (PDF). Consult. 27 de agosto de 2015. 
  33. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC julho 2015" (PDF). Consult. 27 de agosto de 2015. 
  34. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC agosto 2015" (PDF). Consult. 3 de setembro de 2015. 
  35. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC setembro 2015" (PDF). Consult. 3 de outubro de 2015. 
  36. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC outubro 2015" (PDF). Consult. 7 de novembro de 2015. 
  37. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC novembro 2015" (PDF). Consult. 19 de dezembro de 2015. 
  38. "IMPRESA Comunicado – Audiências SIC dezembro 2015" (PDF). Consult. 19 de dezembro de 2015. 
  39. "Audiências 2015: quem ganhou e quem perdeu". Consult. 05 de janeiro de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Sociedade Independente de Comunicação