Roberto Irineu Marinho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Roberto Irineu Marinho
Roberto Irineu Marinho, em 2009.
Nome completo Roberto Irineu Marinho
Nascimento 13 de outubro de 1947 (68 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade  brasileiro
Fortuna Aumento US$ 8,2 bilhões (2015)[1]
Parentesco Roberto Marinho (pai)
João Roberto Marinho (irmão)
José Roberto Marinho (irmão)
Ocupação Empresário
Cargo Presidente do Grupo Globo

Roberto Irineu Marinho GOIH (Rio de Janeiro, 13 de outubro de 1947) é um empresário brasileiro. É um dos sócios e também o presidente do Grupo Globo, o 17º maior conglomerado de mídia do mundo. Os outros sócios majoritários do grupo são seus irmãos João Roberto Marinho e José Roberto Marinho.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho mais velho do empresário e jornalista Roberto Marinho e de Stella Goulart Marinho, começou a trabalhar no jornal "O Globo" em 1965 como aprendiz de linotipista. Trabalhou durante um ano nas oficinas do jornal, no setor de impressão e na tipografia. Em seguida, foi para a redação, onde, entre outros setores, atuou como repórter na editoria Geral. Em 1966, entrou para a Faculdade de Administração da Fundação Getúlio Vargas. Roberto Irineu atuou como repórter de "O Globo" até 1967.No ano seguinte, ele deixou o jornal para acompanhar o processo de reestruturação da Rio Gráfica e Editora, a editoria de revistas e livros do grupo.[3]

Em seguida, assumiu a direção da editora, permanecendo no posto até 1971. Quando Evandro Carlos de Andrade assumiu a direção de redação de "O Globo", em 1971, Roberto Irineu voltou para o jornal com o objetivo de participar das mudanças que seriam implementadas na redação e na área industrial.Em maio de 1977, ele fez um estágio na rede americana de televisão ABC e no Advertising Bureau, uma espécie de conselho para estabelecer as regras de publicidade entre todas as emissoras de TV dos Estados Unidos. Em 1978, após concluir os estágios, assumiu a vice-presidência executiva da TV Globo.

Em 1985, Roberto Irineu foi para a Itália, onde acompanhou o processo de compra e implementação da TV Telemontecarlo. O empresário ficou à frente do projeto até 1988. Então, ele voltou para a TV Globo, ainda como vice-presidente executivo, cargo no qual permaneceu até 1998, ano em que Roberto Marinho e os três filhos – Roberto Irineu, João Roberto e José Roberto Marinho – deixaram as funções executivas nas empresas e passaram a formar o Conselho de Gestão das Organizações Globo, voltado para questões estratégicas do grupo.[4]

Em 2002, Roberto Irineu assumiu a presidência executiva das Organizações Globo e foi encarregado pelos irmãos de conduzir a reestruturação financeira das empresas. Com o falecimento de Roberto Marinho, em 6 de agosto de 2003, Roberto Irineu assumiu a presidência do Conselho de Administração da antiga Organizações Globo, atual Grupo Globo, cargo que acumulou com a presidência executiva do grupo. Por ocasião da tradicional condecoração do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas (10 de Junho de 2015), foi feito Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique.[5]

Em 2013, foi eleito pelo site iG uma das 60 pessoas mais poderosas do Brasil[6] além de ser o 5º homem mais rico do país, segundo ranking da revista Forbes, com uma fortuna estimada de 7,8 bilhões de dólares.[7]

Atualmente, ele é o presidente do Conselho de Administração do Grupo Globo e também presidente executivo da empresa. Roberto Irineu Marinho é casado e pai de quatro filhos.[8]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Precedido por
Roberto Marinho
Presidente do Grupo Globo
2003 – atual
Sucedido por
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Roberto Irineu Marinho
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.