BH FM

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
BH FM
{{{alt}}}
Rádio Belo Horizonte Ltda.
País  Brasil
Frequência(s) FM 102,1 MHz
Canais 782 (Sky)
316 (Claro TV DTH)
964 (Oi TV)
300 (Claro TV Fibra)
Sede Bandeira de Belo Horizonte.svg Belo Horizonte, MG
Slogan Todo mundo se encontra aqui
Fundação 12 de dezembro de 1977 (43 anos)
Fundador Roberto Marinho
Pertence a Sistema Globo de Rádio (Grupo Globo)
Proprietário(s) João Roberto Marinho
Antigo(s) proprietário(s) Roberto Marinho (1977–2003)
Sócio(s) João Roberto Marinho (sócio presidente)
Roberto Irineu Marinho e José Roberto Marinho (sócios majoritários)
Formato Comercial
Gênero Entretenimento e música
Faixa etária Todas as idades
Idioma (em português brasileiro)
Prefixo ZYC 690
Emissoras irmãs
Cobertura Grande Belo Horizonte e áreas próximas
Coord. do transmissor 19° 58' 14.9" S 43° 55' 46.2" O
Dados técnicos Potência: 35 kW
Classe: E2
RDS: Sim
Agência reguladora ANATEL
Informação de licença
CDB
PDF
Webcast Ouça ao vivo
Aplicativo móvel iTunes Store: [1]
Google Play: [2]
Página oficial bhfm.globo.com

BH FM é uma emissora de rádio brasileira sediada em Belo Horizonte, capital do estado de Minas Gerais. Opera no dial FM, na frequência 102.1 MHz. Pertence ao Sistema Globo de Rádio, subsidiária do Grupo Globo que também opera a sua co-irmã CBN Belo Horizonte. Seus estúdios estão localizados no Edifício Estocolmo, no bairro Estoril, e sua antena de transmissão está na Serra do Curral, no bairro Belvedere.

História[editar | editar código-fonte]

Logotipo da emissora entre 2009 e 2021

Inaugurada no dia 12 de dezembro de 1977, pertencendo as Organizações Globo, a BH FM teve início em um período em que o rádio FM era novidade no mercado mineiro. Nasceu como uma rádio segmentada, voltada para as classes A e B, mas, a partir de 1984, muda sua programação e passa investir em uma linha musical diversificada, com o slogan "Pouco papo e só sucesso". Em 1985, alcança o primeiro lugar de audiência e mantém a liderança por 14 anos consecutivos.

Durante o período em que liderou o mercado, a BH FM inovou tocando sucessos musicais populares que antes só eram executados em rádios AMs: trouxe os novos sertanejos como Zezé di Camargo e Luciano, Chitãozinho e Xororó, Leandro e Leonardo. A BH FM inovou também nas promoções: para interagir mais ainda com o ouvinte, distribuía prêmios em todos os horários, criou brincadeiras e foi a primeira emissora a sortear casas, carros e eletrodomésticos. Atualmente, a rádio toca os estilos sertanejo, pagode e internacional.

Em 15 de março de 2016, com o encerramento das operações da Globo FM, a BH FM passou a ter seu sinal disponível no line-up das operadoras de TV por assinatura Sky, Oi TV, Claro TV e NET, em substituição a antiga emissora. A troca havia sido anunciada em 15 de janeiro, quando a programação da Globo FM havia sido descontinuada via internet.[1]

Em 25 de março de 2021, a emissora lança seu novo logotipo, com um design inspirado no Conjunto Arquitetônico da Pampulha, e muda seu slogan para Todo mundo se encontra aqui.[2]

Programas e comunicadores[editar | editar código-fonte]

  • Alô BH (Rafinha e Kayete)
  • Baile da BH (Brinquinho)
  • BH Sem Parar
  • Caldeirão da BH (DJ Monty)
  • Cassino da Kayete (Kayete e Rafinha)
  • Giro BH (Rafinha e Júnior)
  • Madrugada BH
  • Oba Oba BH (Celinho; Henrique)
  • Pancadão KondZilla (Robert Andare)
  • Rebobina BH FM (Rafinha; Henrique)
  • Top 10 às 10 (Bruno Marcius)
  • Top Hits BH FM (Robert Andare)
  • Top Hits Brasil (Rafinha e Kayete)

Referências

  1. «Globoradio encerra operação da Globo FM e substitui a emissora pela BH FM». Vcfaz. 15 de janeiro de 2016. Consultado em 28 de março de 2016 
  2. «BH FM divulga sua nova marca inspirada no projeto arquitetônico de Belo Horizonte». Tudo Rádio. 25 de maio de 2021. Consultado em 25 de maio de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Rádio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.