Austro Music

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Austro Music
Fundação 27 de setembro de 2016 (5 anos)
Distribuidor(es) Som Livre
Gênero(s) Eletrônica
País de origem  Brasil
Localização Rio de Janeiro, RJ
Página oficial austromusic.com.br

Austro Music é uma gravadora brasileira, pertencente a Som Livre, uma divisão da Sony Music. Fundada em 27 de setembro de 2016 tendo seu foco principal na música eletrônica. O selo tem como principal função divulgar seus artistas contratados, quanto licenciar músicas nacionais e internacionais para o país. Com o lançamento da Austro, todos os artistas de eletrônica que estavam pela sua gravadora principal foram movidos para a Austro, inclusive seus novos lançamentos, como a coletânea Summer Eletrohits, que é considerado um dos mais conhecidos produtos da Som Livre.

A gravadora possuí um amplo público, destacando-se pelas diferentes culturas, regiões e gostos musicais. Para promover seus produtos a gravadora usa seu maior meio de comunicação, que são as seguintes as redes sociais.

História[editar | editar código-fonte]

"É cada vez mais comum encontrar produtores que não sabem como se lançar, com quem falar. Eles ficam em seus estúdios produzindo e treinando. Tem uma nova geração chegando aí fortíssima, com muita técnica, mas com pouca orientação. O selo vai ser um canal aberto para esses produtores, queremos conhecer e escutar toda essa garotada que está aí fora produzindo."

— Melissa Piper, produtora executiva da Austro em entrevista para a revista House Mag Brasil.[1]

A música eletrônica esteve em crescente no mercado brasileiro com a vinda de que grandes festivais como Tomorrowland e Ultra Music Festival, portanto o gênero ainda era pouco explorado pelas gravadoras, mesmo tendo artistas se destacando mostrando seu trabalho fora do país. Com isso a Som Livre esteve projetando o lançamento de uma nova gravadora especializada no estilo musical.[2] Responsáveis da gravadora notaram que "o gênero é um dos mais promissores do mundo, tendo crescido exponencialmente em relevância nos últimos anos."[3] E em 27 de setembro de 2016 foi divulgado o lançamento da gravadora por meio de um vídeo promocional nas redes sociais protagonizado por Juliana Calderari e dirigido por Diogo Camargo.[4] A dupla de ilustradores da Bicicleta sem Freio foram os responsáveis pela construção e design do logotipo da Austro Music.[5]

Seu nome vem da mitologia grega que significa "vento forte que vem do sul".[1] A gravadora segue uma premissa similar a sua gravadora principal, com seu conteúdo podendo ser destaque em programas da Rede Globo, tornando as músicas ainda mais conhecidas.[2] Com o lançamento da gravadora, os artistas da Som Livre foram migrados para a Austro, como D.I.B, WAO e das duplas Elekfantz e Naza Brothers além de contar com a colaboração de Gui Boratto. Também foram migrados outros produtos, como a coletânea Summer Eletrohits sendo distribuída pelo selo.[2] Foram lançados nesse momento duas coletâneas, um Best Of de Gui Boratto, com as principais músicas do artista e o Austro House Hits que reúne grandes artistas internacionais.[2]

O foco da Austro é principalmente nos usuários da internet, com playlists em várias plataformas de streaming oferecendo curadorias feitas pelos artistas com seis temas.[1]

Artistas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Som Livre lança novo selo de música eletrônica: Austro Music - 28/09/2016». House Mag. 28 de setembro de 2016. Consultado em 2 de julho de 2017 
  2. a b c d Assef, Claudia (28 de setembro de 2016). «Som Livre lança Austro, selo focado em música eletrônica e estreia com best of de Gui Boratto, saiba o que vem por aí». Music Non Stop. Universo Online. Consultado em 2 de julho de 2017 
  3. «Conheça a Austro, nova gravadora de música eletrônica do Brasil». Phouse. 28 de setembro de 2016. Consultado em 2 de julho de 2017 
  4. Villardo, Ronald (28 de setembro de 2016). «Som Livre lança selo de música eletrônica». O Globo. Globo.com. Consultado em 2 de julho de 2017 
  5. Ferreira, Mauro (28 de setembro de 2016). «Som Livre anuncia selo de música eletrônica com D.I.B. e WAO no elenco». G1. Globo.com. Consultado em 2 de julho de 2017 
  6. «Bhaskar assina com a Austro, selo de música eletrônica da Som Livre, e anuncia nova música». POPline. 31 de agosto de 2018. Consultado em 1 de agosto de 2018 
  7. a b «MOJJO assina com a Som Livre e lança novo single no dia 31». Polifonia Periférica. 21 de maio de 2019. Consultado em 23 de junho de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]