TLN Network

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
TLN Network
Grupo Televisa
Tipo Canal de televisão por assinatura
País Flag of Mexico.svg México
Fundação 23 de novembro de 2009 (7 anos)
Pertence a Flag of Mexico.svg Grupo Televisa
Proprietário Flag of Mexico.svg Grupo Televisa
Slogan Todas suas emoções
Formato de vídeo 480p (SDTV)
Página oficial TLN
ZAP (África)
Canal 73
DStv (África)
Canal 525

Televisa Novelas (TLN) é um canal de televisão por assinatura pertencente à Televisa, que estreou em 23 de novembro de 2009, e exibe telenovelas e humorísticos mexicanos dublados em português brasileiro.

Em 2013, o canal deixou de transmitir sua programação no Brasil[1].

História[editar | editar código-fonte]

Estreado em novembro de 2009, com 5 novelas exibidas de segunda a sexta, em capítulos de uma hora, em edição original, e reprisadas ao longo do dia e aos fins de semana. Os seriados são exibidos aos sábados e domingos.

No Brasil, o canal estreou na Oi TV em 9 de agosto de 2011. Devido à Lei 12.485/11, que obriga as operadoras a carregarem um canal brasileiro a cada um estrangeiro[2], o canal saiu da operadora em 10 de fevereiro de 2013[3][4].

Outro motivo que fortaleceu a saída do canal do país foi o contrato de exclusividade que o SBT assinou com a Televisa. Ou seja, enquanto durar esse contrato, apenas o SBT poderá exibir novelas mexicanas no país[5].

Programas exibidos[editar | editar código-fonte]

Lista de novelas e séries que foram exibidos pelo canal durante sua permanência no Brasil[6].

Novelas[editar | editar código-fonte]

Seriados[editar | editar código-fonte]

Programas já exibidos[editar | editar código-fonte]

Novelas[editar | editar código-fonte]

Seriados[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «TLN Network, canal de novelas da Televisa, deixa ser exibida no Brasil». O Planeta TV. 22 de janeiro de 2013. Consultado em 22 de agosto de 2016 
  2. «Lei 12.485/11 é importante para o setor, afirma representante do Sindicato da Indústria Audiovisual de SP». Supremo Tribunal Federal. JusBrasil. fevereiro de 2013. Consultado em 29 de outubro de 2013 
  3. Castro, Daniel (22 de janeiro de 2013). «TLN negocia com Ancine para poder permanecer no Brasil». Blog Daniel Castro. R7. Consultado em 29 de outubro de 2013 
  4. Moreira, Renato (23 de janeiro de 2013). «TLN Networks sairá do ar no Brasil por conta da nova lei da TV paga». RD1. Internet Group. Consultado em 29 de outubro de 2013 
  5. «Saiba por que o canal de novelas mexicanas "TLN" não pode voltar a ser exibido no Brasil». Portal N10. 12 de setembro de 2015. Consultado em 22 de agosto de 2016 
  6. Programas do canal TLN [1]. Página visitada em 22 de janeiro de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre televisão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.