Lo que la vida me robó

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lo que la vida me robó
O Que a Vida Me Roubou[1] (BR)
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Romance
Drama
Duração 42-45 min. (Cap. 1-195)
102 min. (Cap. 196)
Criador(es) Angelli Nesma Medina
Baseado em Bodas de Odio de Caridad Bravo Adams
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Sergio Cataño
Claudio Reyes Rubio
Produtor(es) Angelli Nesma Medina
Elenco Angelique Boyer
Sebastián Rulli
Luis Roberto Guzmán
Daniela Castro
Sergio Sendel
Tema de abertura "El perdedor", Enrique Iglesias e Marco Antonio Solís
Tema de encerramento "Corazones invencibles", Aleks Syntek
Exibição
Emissora de televisão original Canal de las Estrellas
Formato de exibição 480i SDTV
1080i HDTV
Transmissão original 28 de outubro de 2013 - 27 de julho de 2014
N.º de episódios 196
Cronologia
Programas relacionados Bodas de odio (1983)
Amor real (2003)

Lo que la vida me robó (no Brasil, O Que a Vida Me Roubou) é uma telenovela mexicana produzida por Angelli Nesma Medina para Televisa e exibida pelo Canal de las Estrellas entre 28 de outubro de 2013 e 27 de julho de 2014 em 196 capítulos. A original é de Caridad Bravo Adams, sendo esta um remake modernizado das novelas Bodas de odio e Amor real, produzidas em 1983 e 2003, respectivamente.[2]

A trama é protagonizada por Angelique Boyer, Sebastián Rulli e Luis Roberto Guzmán e antagonizada por Daniela Castro, Grettell Valdéz, Sergio Sendel e Lisset.

No Brasil, ficou temporariamente disponível pelo Netflix, de 2015 a 2016. Em dezembro de 2016, foi anunciado que a transmissão da telenovela no SBT ocorreria a partir de janeiro de 2017.[3]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

A história se passa em Água Azul, onde Montserrat vive. Montserrat é uma bela jovem socialite que sempre foi dominada por sua mãe Graziela, cuja única preocupação é o seu elevado estatuto na sociedade, mesmo que a família esteja financeiramente arruinada. Montserrat, apesar de fazer tudo o que sua mãe diz-lhe, secretamente mantém um relacionamento com José Luis da marinha, com quem planeja se casar.

Embora Graziela tenha escolhido um marido para Montserrat, Sebastián de Casa, com quem Montserrat estava apaixonada quando adolescente, Montserrat não está disposta a celebrar um casamento com Sebastián. Graziela tenta o seu melhor para uní-los novamente, mas é tarde demais, pois Sebastian deixou Água Azul. Demétrio, irmão de Montserrat, descobre seu relacionamento com José Luis e decide contar a sua mãe, e Graziela tenta separar os dois.

Alejandro, está em uma fazenda nas proximidades, ele foi um dos rancheiros favoritos de Benjamin Almonte. Em seu leito de morte, Benjamin diz que é pai de  Alejandro e deixa todo o seu dinheiro e propriedade para ele.  Alejandro não recebe muito bem a notícia, e vai montar em seu cavalo em direção ao mar, onde ele encontra Montserrat, que o confunde com José Luis. Pensando que Alessandro é José Luis, Montserrat abraça Alejandro, que se apaixona imediatamente.

Demétrio, obcecado com a obtenção de dinheiro para cobrir suas despesas, decide vender o registro do imóvel onde ele e seus pais vivem. Graziela, não encontrando uma solução para os seus problemas financeiros, culpa Montserrat por tudo o que aconteceu, inclusive o ataque cardíaco que seu pai sofreu. Demétrio confessa à sua mãe que ele entregou o registro do imóvel para Bruno Gamboa,um mafioso.

Graziela decide confrontar o mafioso para pedir-lhe para devolver os documentos. Não recebendo o que queria de Bruno, Demétrio o mata. Em desespero, Graziela decide que Alessandro é a solução para cobrir suas dívidas e despesas. Ela decide entregar os documentos para  Alejandro, que a ajuda financeiramente sob a condição de que ela permita que ele tenha um relacionamento com Montserrat. Graziela aceita, mas pede que  Alejandro não conte para Montserrat.

Montserrat recusa se casar com Alejandro. Graziela, então, conta a Montserrat a verdade sobre a sua situação financeira, e Montserrat finalmente concorda em ajudar sua família ao se casar com Alejandro. José Luis, que estava preso pelo assassinato de Bruno que não cometeu, escapa da prisão e diz para Montserrat a verdade sobre tudo o que aconteceu. Mas Graziela consegue manipular Montserrat para se casar com Alejandro. Montserrat descobre que seu "amor" por José Luis é falso, e que ama Alejandro. Alejandro é caçado pela polícia de Água Azul e passa 7 anos em coma na Argentina. Monserrat acredita que ele esteja morto e se casa com José Luís. Alejandro acorda do coma e volta para Água Azul disposto a recuperar tudo o que foi perdido, inclusive Montserrat, que está disposta a tudo pelo seu grande amor. José Luis se nega a dar o divórcio e prende Alejandro e, para soltá-lo, dá a Montserrat a condição de nunca mais ver Alejandro, e ela aceita. A união de Alejandro e Montserrat só é possível no último capítulo, em que Jose Luís é morto.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

As gravações da telenovela foram iniciadas em 2 de setembro de 2013.[5] O final foi gravado no início de julho de 2014 em Iucatã e Campeche.[6]

Audiência[editar | editar código-fonte]

A trama estreou com uma média de 20.4 pontos.[7] O último capítulo teve média de 30.9 pontos e 46,6% de share.[8] Teve média geral de 26.1 pontos.[9]

Música[editar | editar código-fonte]

  • Tema principal - "El perdedor", Enrique Iglesias e Marco Antonio Solís;
  • Tema de encerramento - "Corazones Invencibles", por Aleks Syntek;
  • Tema instrumental - "Lo que siento por ti", por Carlos de la Mota;
  • Tema de Alejandro y Montserrat- "Bajemos La Guardia", Alex Sirvent
  • Música de Fundo - Celos, de Alex Sirvent.
  • Tema de Nádia e Victor - Mujer Proibida, de Alejandro Ávila.
  • Temas de Angelica e José Luís - Gracias, de Jorge Daher. Amores de Cristal, de Luja Duhart.

Outras músicas que fazem parte da trilha sonora da novela são: Aún, de Jaime Flores 'Gracias', 'Cruzaré mil mares', e 'Fiesta' de Alex Sirvent No puedo amarte, de Jaime Flores E ainda 'Volveria a mentir', de Evelyn de La Luz

Versões[editar | editar código-fonte]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmio TVyNovelas[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Nomeado(a) Resultado
2015 Melhor telenovela Angelli Nesma Medina Indicado
Melhor atriz protagonista Angelique Boyer Indicado
Melhor ator protagonista Sebastián Rulli Venceu[10]
Melhor atriz antagonista Daniela Castro Venceu[11]
Melhor ator antagonista Sergio Sendel Indicado
Melhor ator antagonista Alexis Ayala Indicado
Melhor primeira atriz Ana Bertha Espín Indicado
Melhor ator co-estrelar Luis Roberto Guzmán Venceu
Melhor ator de reparto Osvaldo Benavides Venceu
Melhor atriz de reparto Margarita Magaña Indicado
Melhor tema musical "El perdedor" de Enrique Iglesias e Marco Antonio Solís Indicado
Melhor historia ou adaptação Juan Carlos Alcalá, Rosa Salazar e Fermín Zúñiga Venceu
Melhor elenco Lo que la vida me robó Indicado

Premios Juventud[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Nomeado(a) Resultado
2014 Chica que me quita el sueño Angelique Boyer Venceu[12]
¡Está buenísimo! Sebastián Rulli Indicado
Melhor tema noveleiro "El perdedor" de Enrique Iglesias e Marco Antonio Solís Venceu

Prêmios People en Español[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Nomeado(a) Resultado
2014 Novela do Ano Angelli Nesma Medina Venceu
Melhor Casal Angelique Boyer e Sebastián Rulli Venceu
Galanzaço do ano Sebastián Rulli Venceu [13]
Melho Vilão Sergio Sendel Venceu

Referências

  1. Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome OTF
  2. «Prepara Nesma "Bodas de Odio" adaptada a la época actual». Rádio Fórmula. 7 de maio de 2013. Consultado em 14 de fevereiro de 2016 
  3. «"O Que a Vida Me Roubou" é a próxima novela do SBT». Famosos Na Web. 1 de dezembro de 2016. Consultado em 23 de janeiro de 2017 
  4. Radio Fórmula ""Lo que la vida me robó" con tintes de drama y comedia: Valencia. - actualizado octubre 2013
  5. «Se graba… 'Lo que la vida me robó'». teleprograma.fotogramas.es. 2 de setembro de 2013. Consultado em 3 de dezembro de 2016 
  6. «Graban en Yucatán final de 'Lo que la vida me robó'» (em espanhol). sipse.com. 7 de julho de 2014. Consultado em 3 de dezembro de 2016 
  7. «"Lo que la vida me robó" arranca con buen rating». Rádio Formula. 29 de outubro de 2013. Consultado em 5 de março de 2016 
  8. «"Lo que la vida me robó" superó los 30 pts de audiencia». Rádio Formula. 28 de julho de 2014. Consultado em 5 de março de 2016 
  9. «Ratings Promedio Telenovelas (1998-2015)». Network 54. 20 de dezembro de 2015. Consultado em 5 de março de 2016 
  10. Premios TVyNovelas: Sebastian Rulli se consolido como mejor actor consultado el 14 de abril de 2015
  11. Premios TVyNovelas: Daniela Castro gano como la mejor villana Consultado el 14 de abril de 2015
  12. «Lista completa de nominados Premios Juventud 2014» (em Español). 7 de mayo de 2014. p. Univisión. Consultado em 19 de mayo de 2014 
  13. People en Español (Lista de Ganadores Premios People en Español 2014)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]