Lo imperdonable

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a telenovela de 1975. Para a telenovela de 2015, veja Lo imperdonable (2015).
Lo imperdonable
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Drama
Criador(es) Caridad Bravo Adams
Fernanda Villeli
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Alfredo Saldaña
Produtor(es) Ernesto Alonso
Elenco ver
Tema de abertura "Main Title/Friends and Enemies " - John Williams
Tema de encerramento "Amor de paso" - Raquel Olmedo
Exibição
Emissora de televisão original México El Canal de las Estrellas
Transmissão original 1975
N.º de episódios 124
Cronologia
Programas relacionados Siempre te amaré

Lo imperdonable é uma telenovela mexicana produzida por Ernesto Alonso para Televisa e exibida pelo El Canal de las Estrellas em 1975[1].

Foi protagonizada por Amparo Rivelles, Armando Silvestre e Rogelio Guerra e antagonizada por Raquel Olmedo e Marilú Elizaga.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Alejandra Fonseca é uma dona de casa que mora na cidade de San Cristóbal com sua família. Esta é composto por seu marido, o advogado Mauricio Fonseca; os filhos Eduardo e Gloria; sua sogra rigorosa, Sofía; sua cunhada Sara e Rosalia, a governanta da família.

A vida de Alejandra é cinza e triste, pois ela se sente pressionada e reprimida por sua família, que não lhe dá nenhum sinal de carinho; Mauricio a trata friamente e Sofía a detesta.

Um dia, Alejandra acidentalmente descobre que Sara vai fugir com seu amante, Ricardo. Para salvar a honra de sua cunhada, Alejandra vai para a estação de trem, onde ambos iam se encontrar, mas Sara chega atrasada e o trem termina com Alejandra a bordo para convencer Ricardo a deixar sua cunhada em paz. No entanto, o trem sofre um acidente durante a viagem; Ricardo morre e Alejandra sobrevive, mas ela perde toda sua memória.

Ao saber da tragédia, toda a família a considera morta e eles acreditam que foi ela quem estava fugindo com seu amante (Sara decide se calar e esconde a verdade por covardia). Mais tarde, Mauricio se casa com a malvada Bertha Duval, uma velha amiga da família que sempre esteve apaixonada por ele.

Enquanto isso, Alejandra vaga sem rumo, mas é resgatada pelo bondoso Dr. Reyna; Este, ao verificar que Alejandra nem se lembra do nome dela, a chama de Andrea Reyna. Alejandra (agora Andrea) mais tarde encontra Álvaro, um empresário teatral que se apaixona por ela. Os dois vão para Buenos Aires , onde ela triunfa como atriz.

Quinze anos depois, Alejandra retorna para a Cidade do México transformada em uma atriz de sucesso e acompanhada por sua amiga e assistente Susy. Andrea está prestes a se casar com Álvaro, de quem ela também se apaixonou, quando de repente ela recupera a memória e lembra seu nome e o de sua família, a quem ela decide procurar. Alvaro sente-se desiludido, mas ainda tenta conquistar Alejandra, a única mulher que ele já amou.

Alejandra está reunida com seus filhos, que já são adultos, e pouco a pouco ela está lembrando seu passado. Eduardo é um advogado como seu pai e namorado do modelo Sonia; Gloria, por outro lado, é a namorada de Ernesto, afilhada do mafioso Víctor Angelini. Alejandra terá que lutar muito para recuperar os anos perdidos e para que seu futuro seja feliz.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Lo imperdonable, telenovela». Univisión. Consultado em 28 de outubro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]