1080i

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

1080i é um nome estenográfico para um formato de vídeo. O número 1080 significa 1080 linhas de resolução vertical, enquanto a letra i significa entrelaçado (interlaced, em inglês) ou varredura não progressiva. 1080i pode ser considerado como um modo de vídeo HDTV. O termo geralmente assume uma relação de altura e largura de 16:9 (widescreen), indicando uma resolução horizontal de 1920 pixels e um quadro de 1920 × 1080 ou aproximadamente 2,07 milhões de pixels, e um campo de resolução de 1920 × 1080 / 2 (isto porque é entrelaçado) ou aproximadamente 1,04 milhão de pixels. A freqüência em hertz pode ser decorrente do contexto ou especificado após a letra i. As duas freqüências mais comumente usadas são 25 e 30 Hz, com o formato (1080i25) geralmente sendo usado em países que utilizam o formato PAL e SECAM (Europa, Austrália, grande parte da Ásia, África), mais recentemente (1080i30) em países do formato NTSC (e.g. Estados Unidos da América, Canadá, Japão, Brasil, Argentina). Independente das variantes, pode ser transportada para maior parte dos formatos de TV digital, ATSC, DVB e ISDB. 1080i é diretamente compatível com HDTVs CRT. HDTV CRT nunca entrou no mercado em grande escala. 1080i é compatível com as novas televisões 720p- e 1080p, mas deve ser desentrelaçada primeiro para ser mostrada nestas formas.

Por causa da revisão do formato NTSC quando cores se tornaram disponíveis, o field rate dos atuais broadcasts 1080i são geralmente 0,1% mais lento que o sugerido. Por exemplo, uma transmissão de 1080i30 ou "30 Hz" atualmente mostra cerca de 29.97 campos por segundo. Respectivamente as linhas de freqüência 24/30/60 e 23.976/29.97/59.94 são suportadas pelos padrões atuais.

Formato progressivo 1080i50 ou 60 é esperado como o futuro padrão radiodifusão (broadcasting).