Maya Mishalska

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Maya Mishalska
Nome completo Miroslava Maya Mishalska Harasymowicz
Nascimento 8 de dezembro de 1974 (41 anos)
Varsovia,  Polónia
Nacionalidade México mexicana
Ocupação Atriz

Miroslava Maya Mishalska Harasymowicz (Varsóvia, Polônia, 8 de dezembro de 1974) e uma atriz de origem polonesa, com nacionalidade mexicana.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Miroslava Maya Mishalska Harasymowitz, cujo nome em hindi significa "ilusão", nasceu em Varsóvia, na Polônia. Com a idade de seis anos, começou a estudar violino, instrumento que lhe ensinou disciplina e compromisso com a arte, no conservatório de sua cidade natal.

Sua paixão pela atuação veio quando ele participou de um piloto de drama, A Casa de Bernarda Alba. Anos mais tarde veio a Cidade do México e continuou seus estudos musicais na Universidade Veracruzana. Foi lá, onde pela primeira vez foi capaz de participar de teatro experimental, com a peça A Casa de Bernarda Alba, de Federico García Lorca, resultando, assim, em sua paixão por atuar. No final do Conservatório decidiu continuar atuando.

Sua estréia na televisão foi em 1989, na telenovela Simplemente María. Posteriormente vieram outras novelas como Destino, El abuelo y yo e La sombra del otro. Seu primeiro papel de destaque foi em 1997, como antagonista da novela Huracán.

A atriz se consagrou com papéis de vilãs e chegou a interpretar três antagonistas seguidas, nas telenovelas Maria Belén, Amor real e Mujer de madera.[1]

Em 2008 interpretou um papel duplo na novela Cuidado con el ángel. [2]

Para o fim de 2012, ela foi convidada para integrar o Conselho Consultivo da Reserva da Biosfera Calakmul, da qual ele é um membro ativo. Como tal, cabe a testemunhar a missão da UNESCO. Promove os valores da Reserva e da sua nomeação para ser registrado como Patrimônio Comum da Humanidade pela UNESCO.

Em 2013 leva este projeto para Televisa Foundation, que recebe total apoio. Televisa através da Fundação, em sua plataforma de Noticias, o programa Hoy, em seus portais e nas cápsulas promocionais com dez temas diferentes, implementa a campanha conduzida pela mesma Maya Mishalska, difundindo a importância, a transcendência, a beleza de Calakmul ante México e o mundo, assim como sua Nominação para receber a Declaratoria de Patrimonio Mixto da Humanidade pela UNESCO, culminando em 11 de maio de 2014 com o programa especial: "Calakmul, um tesouro para México, um legado para o mundo". Neste mesmo ano, participou da fase final de Corazón indomable. [3] [4]

Em 2015 regressa à televisão, na segunda fase de A que no me dejas.[5]

Telenovelas[editar | editar código-fonte]

Filmes[editar | editar código-fonte]

  • Novia que te vea
  • Cilantro y perejil
  • El Jugador
  • Un Baúl lleno de miedo
  • La reina de la noche

Teatro[editar | editar código-fonte]

  • Honor Joana Murray Smith
  • Las tres hermanas Chejov
  • El retablo jovial Casona
  • La casa de Bernarda Alba Garcia Lorca
  • Bodas de Sangre Garcia Lorca
  • Pedro y el lobo Prokofiev
  • Aladino musical

Referências

  1. «Nova estrena este lunes la telenovela 'Mujer de madera'». Fórmula tv. 4 de setembro de 2011. Consultado em 9 de janeiro de 2016. 
  2. «Maya Mishalska enfrenta gran reto». Esmas. 24 de setembro de 2008. Consultado em 9 de janeiro de 2016. 
  3. «Maya Mishalska es una mujer ruda en Corazón indomable». Informador. 19 de agosto de 2013. Consultado em 9 de janeiro de 2016. 
  4. «Maya Mishalska En ‘Corazón Indomable’ Como ‘La Carmela’, Un Personaje ‘Catártico’». Novela Lounge. 20 de agosto de 2013. Consultado em 9 de janeiro de 2016. 
  5. «¡Maya Mishalska regresa a las telenovelas y estrena redes sociales!». Televisa. 30 de setembro de 2015. Consultado em 9 de janeiro de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]