SIC Notícias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
SIC Notícias
Impresa Publishing S.A.
Logótipo do canal
Tipo Canal de televisão por cabo
País  Portugal
Fundação 8 de janeiro de 2001
(15 anos e 333 dias)
por Francisco Pinto Balsemão
Pertence a Sociedade Independente de Comunicação (SIC)
Proprietário Francisco Pinto Balsemão
Antigo proprietário TV Cabo
Presidente Francisco Pedro Pinto Balsemão
Cidade de origem  Lisboa
Sede Estrada da Outurela, nº119 2794-052 Carnaxide
Paço de Arcos, Oeiras (2017)
Estúdios Carnaxide, Oeiras
Slogan Os seus olhos no mundo
Formato de vídeo 16:9 SDTV (576i)
HDTV (1080i)
Audiência ± 36 mil por minuto (1,9% share) (2015)[1]
Receita € 24.440.350
Afiliações
Cobertura  Portugal e arquipélagos
Cobertura internacional
Nome(s) anteriore(s) CNL
Página oficial sicnoticias.pt
Disponibilidade por satélite
NOS
Canal 5
MEO (Satélite)
Canal 5
NOS
Canal 5
Disponibilidade por cabo
NOS
Canal 5
MEO
Canal 5
Nowo
Canal 6
NOS
Canal 305 (HD)
MEO
Canal 305 (HD)
Nowo
Canal 305 (HD)
Disponibilidade via ADSL
MEO (ADSL)
Canal 5
NOS
Canal 5
Vodafone Casa
Canal 5

SIC Notícias anteriormente CNL, é um canal temático de informação da estação de televisão portuguesa SIC, fundada a 8 de janeiro de 2001. O canal apresenta programação diversificada de económica, internacional, desporto, tecnologia, moda, música e viagens.

História[editar | editar código-fonte]

CNL[editar | editar código-fonte]

A CNL ou Canal de Notícias de Lisboa, foi o primeiro canal regional Português a transmitir por TV a cabo, o canal estava voltado para a região de Lisboa. Quando a SIC adquiriu 60% das ações a 8 de janeiro de 1999, foi decidida a mudança de nome para SIC Notícias. A ZON TV Cabo (atual NOS) detinha 40% das ações. A 27 de fevereiro de 2009 a SIC comprou os 40 % restantes para converter-se num único proprietário. Foi uma joint venture entre a SIC (60%) e a ZON TV Cabo (40%).[2]

SIC Notícias[editar | editar código-fonte]

A 8 de janeiro de 2001 começam os primeiros programas da SIC Notícias. A SIC Notícias é o segundo canal temático criado pela SIC. Além dos blocos informativos no topo da hora, oferece também edições especiais e programas temáticos onde a economia, a saúde, as entrevistas, o espectáculo, a moda e o desporto são tratados.

Desenvolvido especialmente para o cabo, a sua programação é totalmente constituída por programas de informação, sendo o canal temático com maior audiência no cabo e o 4.º mais visto do país, o que constitui caso único tendo em conta a concorrência de canais como o AXN ou a FOX.

Quanto à distribuição da SIC Notícias, está disponível em Portugal na posição 5 na NOS, Nowo (antiga Cabovisão), MEO, e Vodafone. A SIC Notícias também está disponível online.

No final de 2003, a emissão da SIC Notícias ficou disponível via satélite em Angola e Moçambique. Mais tarde, a SIC Notícias passou a ser transmitida nos Estados Unidos (2006), Cabo Verde e Suíça. Mais recentemente em março, chegou também ao Canadá[3]. Em maio de 2013 começam as transmissões na Austrália e França, e o próximo mercado para a SIC Notícias será o Brasil.[4] A 6 de outubro de 2016, começam as emissões em HD na SIC Notícias HD.

Administração[editar | editar código-fonte]

A nomeação de Ricardo Costa para diretor-geral de informação do Grupo Impresa teve efeito a de 6 de março de 2016. Anteriormente, o cargo era ocupado por Luís Marques. Essas mudanças ocorreram ao mesmo tempo que a mudança de CEO do grupo que era presidido por Pedro Norton, atualmente é Francisco Pedro Pinto Balsemão o presidente executivo.

Capital[editar | editar código-fonte]

O capital da SIC Notícias é detido a 100% pelo Grupo Impresa. Em 2013, o canal dispõe de um orçamento de € 24.440.350 [5]
Composição do Capital da Entidade Proprietária:

  • IMPRESA – 51%
  • IMPRESA SERVIÇOS II – 49%

Blocos informativos[editar | editar código-fonte]

A SIC Notícias conta com 3 grandes blocos informativos nos dias úteis.

Nota: O Jornal de Síntese é também emitido várias vezes durante o bloco da tarde. No genérico é designado por "SIC Notícias" aparecendo apenas o logótipo do canal no mesmo.

Programas[editar | editar código-fonte]

Pivôs[editar | editar código-fonte]

O canal conta com aproximadamente 30 profissionais a apresentar programas. Uma grande parte já trabalhava na SIC antes da SIC Notícias ser lançada oficialmente.

Nota: No inicio de 2013 a emissão da SIC Notícias teve como pivôt Pedro Mourinho e Rui Alves, antigo jornalista da rádio TSF.

Identidade visual[editar | editar código-fonte]

Logótipo[editar | editar código-fonte]

O logótipo da SIC Notícias mostra o nome do canal com uma esfera a representar o planeta Terra tendo em vermelho os continentes, inicialmente, a esfera era rodeada de anéis transparentes. Ao longo dos anos, o logo tem sofrido alterações mas deixando o mesmo princípio com a esfera e as cores avermelhadas e cinzentas. Na versão de 2011 pode-se ver um ligeiro 3D no tipo de letra assim como um degradé radial entre o cinzento e o branco. Na versão lançada em janeiro de 2016, o princípio resta o mesmo mas com um degradé radial mais suave podendo se notar discretamente a cor branca na primeira versão do logótipo (preta). A 6 de outubro foi adicionado no canto superior direito a sigla HD significando que o canal está em alta definição. A versão branca do mesmo, é semelhante à versão preta, mas com um degradé entre o cinzento claro e o branco mas mais centrado.[6]

Slogan[editar | editar código-fonte]

Estúdio principal[editar | editar código-fonte]

O estúdio é um estúdio de notícias 24 horas com combinação de cenografia Real e Virtual. A tecnologia da ORAD utiliza tracking com total liberdade de movimento de câmara, para produção continua da SIC Notícias. O sistema é utilizado em diversos programas tais como Quadratura do Círculo, Cartaz, Tempo Extra... O estúdio está situado na sede da SIC em Carnaxide.

SIC Notícias HD[editar | editar código-fonte]

Logótipo da SIC Notícias em Alta Definição desde 6 de outubro de 2016.

Depois da passagem ao formato 16:9 a 3 de outubro de 2015, a 6 de outubro de 2016, é anunciado que a generalidade dos canais SIC passariam à alta definição (HD) colocando assim a SIC Notícias em alta definição.

Por enquanto apenas alguns programas, separadores e publicidade são emitidos nesse formato deixando os espaços informativos em direto em 16:9 SD. O canal está disponível na posição 305 das operadoras nacionais NOS, MEO e Nowo.[7][8]

Grafismo[editar | editar código-fonte]

2001 - 2011
Nos primeiros 10 anos, a SIC Notícias apresentava um grafismo com tons de vermelho nos seus separadores de publicidade e a partir de 2004 com tons de azul e vermelho. Nos separadores, o logótipo aparecia com uma animação desvanecida e com o planeta Terra branco e vermelho rotativo.

2011 - 2011
Renovação total do grafismo em 2011 com separadores com fundos brancos, o logótipo do canal também é renovado. Os genéricos dos principais jornais e edições são agora uniformizados com apenas um tipo de modelo gráfico; apenas as cores dos mesmo mudam de acordo com a hora do dia. O estúdio também foi renovado nessa altura.

2016 - presente
Em 2016 o grafismo de 2011 sofreu algumas alterações nomeadamente nos separadores e continuidade. A Edição da Noite foi renovada em julho do mesmo ano alterando os oráculos e mudado o logótipo on-air (DOG) do canto superior direito para o canto inferior direito juntamente com os oráculos, o genérico também foi alterado.

Internacional[editar | editar código-fonte]

     Países cobertos pela SIC Notícias
     Portugal
     Países afiliados à SIC Notícias
     Portugal

Cobertura internacional[editar | editar código-fonte]

A SIC Notícias cobre vários países do continente Europeu, Norte Americano e Africano.[9]

Canais associados/afiliados[editar | editar código-fonte]

Os seguintes canais fornecem imagens ao canal:

Plataformas digitais[editar | editar código-fonte]

Captura de ecrã do site da SIC Notícias; 22 de outubro de 2016
Captura de ecrã do site da SIC Notícias; 22 de outubro de 2016

Online[editar | editar código-fonte]

A SIC Notícias dispõe de um site atualizado diariamente em sicnoticias.pt. No site podemos encontrar várias categorias de informação como Últimas Notícias, Pais, Mundo, Economia, Desporto, Cultura, Especiais, Infografias e Prime; assim como diversas reportagens e vídeos que são colocados diariamente no site depois da difusão dos mesmos no canal sobre o mundo e opiniões de comentadores da SIC. O site também permite ver quais os programas emitidos no canal e a que horas utilizando o guia TV.

Logótipo do SIC Notícias PRIME.
#PRIME O mundo em dois minutos.[editar | editar código-fonte]

Lançado a 14 de julho de 2016, o SIC Notícias PRIME é o primeiro noticiário online em vídeo. É Apresentado por Diana Duarte diariamente, antes das 9h e antes das 13h. A estratégia de comunicação passa pela partilha do vídeo nos canais online da SIC Notícias, mas também em outros órgãos de comunicação do grupo Impresa (como o Expresso e a Visão, por exemplo).[10]

Redes sociais[editar | editar código-fonte]

Com presença nas redes sociais, a SIC Notícias possui diversas contas em vários sites sociais como o Facebook e Twitter.

Aplicações[editar | editar código-fonte]

A SIC Notícias está também presente no mobile e tablet com as aplicações em Android, iOS e Windows Mobile.

Audiências[editar | editar código-fonte]

A SIC Notícias é o canal mais visto do cabo em dados Live + Vosdal. No universo dos canais por subscrição, a SIC Notícias sempre se destacou como o canal de informação mais visto pelos portugueses desde o seu lançamento, alcançando uma quota de mercado média de 2.2% de share, em dados Live + Vosdal. A SIC Notícias foi em março de 2016, em dados Live o canal mais visto de todo o universo dos canais por subscrição em Portugal. A SIC Notícias já era o canal de informação mais visto do universo dos canais por subscrição, batendo os concorrentes TVI24 e RTP3, mas em março tornou-se em dados Live o canal mais visto, ao bater o Hollywood. Surgem depois em dados Live os canais CMTV, TVI24, Disney Channel, Panda e Fox.

2012 2013 2014 2015
2.3% [11] 1,9% [12] 1,7% [13] 1,9% [13]
2016 Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Média anual
2,3% [14] 2,1% [15] 2,2% [16] 2% [17] 2,1% [18] 2,1% [19] 2,2% [20] 2,1% [21] 1,9% [22] 2,3% [23] 2,2% [24]

Novas instalações da SIC e SIC Notícias[editar | editar código-fonte]

O Grupo Impresa, dona da SIC e SIC Notícias, vai dar início, até ao final de 2016, ao projeto de expansão do edifício São Francisco de Sales, agora denominado Edifício Imprensa, em Paço de Arcos, que em 2018 acolherá todas as áreas do grupo. O grupo fundado por Francisco Pinto Balsemão funcionará, pela primeira vez, num mesmo espaço, deixando a SIC as instalações de Carnaxide. Assim sendo, e assinado um acordo com a Câmara Municipal de Oeiras, a SIC mudará para Paço de Arcos. No final de 2017, a nova ala está pronta para receber o canal de televisão, até agora em Carnaxide.[25]

Sistema de classificação

A RTP a SIC e TVI, utilizam uma nova sinalização de emissão que foi criada a 20/02/2012, visando proporcionar aos consumidores de televisão um guia de escolha de programação adequada à sua idade e, aos educadores, uma orientação sobre o visionamento de programas. [26]

CPT-T.png Nível 1 - TODOS | Todos os públicos CPT-12AP.png Nível 3 - 12AP | Maiores de 12 anos Circulo vermelho - Classificação Etária Televisão Portuguesa (+18).png Nível 5 - 18 | Maiores de 18 anos
CPT10AP.png Nível 2 - 10AP | Maiores de 10 anos CPT-16.png Nível 4 - 16 | Maiores de de 16 anos


Referências

  1. http://www.jornaldenegocios.pt/empresas/media/detalhe/cmtv_bate_recorde_de_audiencia_e_destrona_sic_noticias
  2. Lemos, José Alberto (18 de junho de 2000). «www.publico.pt/media/jornal/sicnoticias-entusiasmo-e-apreensao-145385». Jornal Público. Consultado em 22 de outubro de 2016. 
  3. http://sicnoticias.sapo.pt/vida/2013/03/27/sic-noticias-vai-passar-a-ser-transmitida-no-canada
  4. http://www.atelevisao.com/cabo/sic-internacional-e-sic-noticias-chegam-a-australia-e-a-franca/
  5. http://sicnoticias.sapo.pt/institucional/2013-12-27-Ficha-Tecnica
  6. http://olharatelevisao.blogspot.fr/2016/02/sic-noticias-com-nova-linha-grafica.html
  7. Silveira, Ana Filipe (8 de setembro de 2015). «SIC emite integralmente em 16:9 a partir de 4 de outubro». Diário de Notícias. Consultado em 22 de outubro de 2016. 
  8. «TODOS OS CANAIS SIC AGORA EM HD!». SIC. 6 de outubro de 2016. Consultado em 22 de outubro de 2016. 
  9. «SIC Internacional». 7 de setembro de 2016. Consultado em 22 de outubro de 2016. 
  10. «SIC Notícias PRIME: o mundo em dois minutos». Expresso. 14 de junho de 2016. Consultado em 22 de outubro de 2016. 
  11. «Audiência Tv em 2011 e 2012». Consultado em 2012. 
  12. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC em 2013» (PDF). Consultado em 2013. 
  13. a b «Audiências 2015: quem ganhou e quem perdeu». Consultado em 2 de janeiro de 2016. 
  14. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC janeiro 2016» (PDF). Consultado em 13 de agosto de 2016. 
  15. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC fevereiro 2016» (PDF). Consultado em 13 de agosto de 2016. 
  16. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC março 2016» (PDF). Consultado em 13 de agosto de 2016. 
  17. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC abril 2016» (PDF). Consultado em 13 de agosto de 2016. 
  18. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC maio 2016» (PDF). Consultado em 13 de agosto de 2016. 
  19. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC junho 2016» (PDF). Consultado em 13 de agosto de 2016. 
  20. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC julho 2016» (PDF). Consultado em 13 de agosto de 2016. 
  21. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC agosto 2016» (PDF). Consultado em 17 de setembro de 2016. 
  22. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC setembro 2016» (PDF). Consultado em 17 de setembro de 2016. 
  23. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC outubro 2016» (PDF). Consultado em 17 de setembro de 2016. 
  24. «IMPRESA Comunicado – Audiências SIC novembro 2016» (PDF). Consultado em 3 de dezembro de 2016. 
  25. Soldado, David (29 de julho de 2016). «De Carnaxide para Oeiras. SIC muda de instalações em 2017». aTelevisão. Consultado em 22 de outubro de 2016. 
  26. RTP. «Nova Sinalização de Emissão - Comunicação, RTP». Consultado em 18 de julho de 2012. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]