Augusto Madureira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Augusto Madureira é um jornalista português, nascido em 1967, licenciado em Comunicação Social, pela Universidade Nova de Lisboa (1985-89).

Iniciou a carreira profissional em 1990 na RTP, como repórter do "Telejornal" e de outros espaços informativos da estação.

Um ano depois, em 1991, trabalhou na Rádio Renascença como editor da RFM.

Em 1992 foi convidado para integrar o grupo de jornalistas fundadores da SIC, onde começou por trabalhar como repórter em programas diários como o "Jornal da Noite" e "Praça Pública".

Entre 1995 e 1997, integra a equipa dos programas "Sete à sexta" e "Esta Semana", de Margarida Marante.

Entre 1997 e 2001, como Grande-repórter, assina uma série de trabalhos de investigação, pelos quais viria a receber vários prémios: em 1999, o Prémio de Jornalismo da AMI; em 2000, o Prémio de Jornalismo da FLAD (Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento); em 2001, o Prémio Comissão Nacional dos Direitos Humanos, e o Prémio de Jornalismo da Comissão Europeia[1]

Em 2001 estreia-se como pivot na SIC Notícias, assegurando vários espaços de informação ("Edição da Tarde", "Opinião Pública", "Internacional SIC").

Em 2009 passa a coordenar e apresentar com Conceição Lino o programa de informação da SIC "Nós por cá", dedicado ao chamado "Jornalismo de Cidadania".

Em 2010, cria, coordena e apresenta o programa semanal "Histórias do Mundo" dedicado aos grandes temas internacionais.

A partir de 2011 passa a apresentar e coordenar o Jornal da Meia Noite, na SIC Notícias.

A par do jornalismo, Augusto Madureira tem desenvolvido também alguma actividade no campo da música, como autor e compositor. Estudou piano clássico a partir dos 6 anos, no Conservatório de Música do Algarve (Faro).

Em 2009, participa no Festival da Canção da RTP, assinando a autoria do tema "O Teu Lugar", interpretado por [[Filipa Baptista]. Em 2010, regressa ao concurso, como autor da canção "Há Dias Assim", cantada por Filipa Azevedo e vencedora do Festival. Representa Portugal no Eurovision Song Contest, em Oslo, tendo alcançado o 4.º lugar na semi-final (2.º lugar no voto dos jurados). Na final, queda-se pela 18.ª posição.

Em 2011, é finalista no 'UK Songwriting Contest' com o tema "Vai (se fores capaz)", interpretado por António Vasco de Moraes.

Em 2013, compõem a letra e a música do tema "Foi assim" para o álbum "Pedaços de Mim", de Simone de Oliveira.[2] [3] [4][5]

Referências