Yadhira Carrillo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Yadhira Carrillo
Nome completo Yadhira Carrillo Villalobos
Nascimento 12 de maio de 1972 (46 anos)
Aguascalientes, México
Nacionalidade mexicano
Ocupação ex-atriz, empresária
Cônjuge Michel Kuhn (19992002)
Juan Collado (2012 - presente)
IMDb: (inglês)

Yadhira Carrillo Villalobos (Aguascalientes, México; 12 de maio de 1972), mais conhecida como Yadhira Carrillo, é uma ex-atriz e empresária mexicana.[1] É a filha caçula, seus irmãos são: Oralia, Noemi, Raúl, Rubén, Belén e Aída. Seu avô paterno e um tio são poetas.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Iniciou Administração em Negócios Internacionais em Aguascalientes, mas surgiu a oportunidade de participar do Nuestra Belleza México. Chegando à Capital, entrou na (CEA) Centro de Educação Artística, mas quis encerrar sua carreira como modelo para iniciar-se como atriz.

Yadhira Carrillo foi eleita "Nuestra Belleza Aguascalientes" em 1994. Sem cerimônias, ela deixou muito claro que não queria ser lembrada como uma garota bonita. Posteriormente, ela entrou na CEA da emissora Televisa para preparar-se como atriz.

Durante seus cursos, Yadhira se destacou sempre por estar entre as estudantes mais talentosas e dedicadas, recebendo a recompensa pelo esforço quando a produtora Carla Estrada lhe deu sua primeira oportunidade como atriz com o papel de "Teresa", na novela Te sigo amando.

Posteriormente voltaria a trabalhar com Carla Estrada, interpretando "Josefina" em María Isabel, ao lado de Adela Noriega e Fernando Carrillo.

Logo depois de participar de vários episódios de Mujer, casos de la vida real, e fazer una vilã no especial Más allá de La Usurpadora, Yadhira ganhou sua primeira protagonista na história infantil El niño que vino del mar.

O talento e capacidade dramática de Yadhira fizeram com que Ernesto Alonso se interessasse por seu trabalho e lhe oferecesse o papel de antagonista em El precio de tu amor. O "Señor Telenovela" vislumbrou nela uma atriz com futuro e lhe deu a oportunidade de estrelar sua nova novela, La otra, na qual enfrentou um duplo trabalho ao ter que dar vida a dois personagens totalmente diferentes.

Yadhira foi premiada como melhor atriz do ano pela novela La otra. Esse foi seu maior sucesso, que fez par romântico com o ator Juan Soler.

Com apenas oito anos de carreira, Yadhira fez seu primeiro trabalho internacional, com um papel especial na bem-sucedida novela espanhola El Secreto, interpretando uma ex-noiva perversa do protagonista, o também mexicano Eduardo Capetillo.

Em 2004, estreou a novela Amarte es mi pecado, onde protagonizou junto com Sergio Sendel e Alessandra Rosaldo, com produção de Ernesto Alonso. Nesse mesmo ano, se integrou ao elenco de Rubí, a famosa produção de José Alberto Castro.

Em 2005, protagonizou a novela Barrera de amor.

Em 2007, recebeu a oportunidade de protagonizar a novela Palabra de mujer, com a produção de José Alberto Castro.

Yadhira se afastou da televisão em 2007. Ela possui várias lojas de roupas e acessórios para crianças sob a marca "Momentos by Yadhira". Ela não tem planos de voltar a atuar.[2]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Telenovelas[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Yadhira Carrillo» (em inglês). Noveleros.com. Consultado em 17 de abril de 2009. 
  2. «¿Qué ha sido de la vida de Yadhira Carrillo tras 10 años alejada de la actuación?» (em espanhol). People en español. 4 de fevereiro de 2018. Consultado em 2 de julho de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]