Campeonato Sul-Americano de Clubes de Voleibol Feminino de 2010

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Campeonato Sul-Americano de Clubes de Voleibol Feminino de 2010
Voleibol Volleyball (indoor) pictogram.svg
Informações gerais
País-sede LimaPeru
Organizador {{{organização}}}
Período de 16 a 18 de julho
Participantes 4
Premiações
Campeão Brasil Sollys/Osasco (2º título)
Vice-campeão Peru Deportivo Géminis
MVP Brasil Adenízia da Silva
◄◄ Peru Lima 2009 Bola de volei de quadra.svg Brasil Osasco 2011 ►►
CSV.org (em espanhol) Página oficial da competição

O Campeonato Sul-Americano de Clubes de Voleibol Feminino de 2010 foi a segunda edição do torneio organizado anualmente pela CSV com esta nomenclatura, que foi disputado entre os dias 16 a 18 de julho no Coliseo Manuel Bonilla de Miraflores, localizado na cidade de Lima, no Peru. É o Torneio classificatório para edição do Campeonato Mundial de Clubes de Voleibol Feminino de 2010[1]e o clube brasileiro Sollys/Osasco conquistou o título e a referida promoção a competição a nível mundial.Edição premiou a central Adenízia da Silva como a Melhor Jogadora.[2]

Formato de disputa[editar | editar código-fonte]

As quatro equipes qualificadas disputaram o torneio em Fase única, na qual todas as equipes se enfrentaram entre si , a equipe primeira colocada, por maior número de pontos conquistados, obteve a vaga para Campeonato Mundial de Clubes, além de ser declarada campeã. Os critérios utilizados para pontuação foi o seguinte: o placar de 3-0 ou 3-1 garantiu três pontos para a equipe vencedora e nenhum para a equipe derrotada; já o placar de 3-2 garantiu dois pontos para a equipe vencedora e um para a perdedora.

Participantes[editar | editar código-fonte]

As seguintes equipes foram qualificadas para a disputa do Campeonato Sul-Americano de Clubes de 2010[1][3]:

Equipe País Forma de Classificação Títulos
Deportivo Géminis Peru Peru Representante da Cidade-Sede[1][4] 0 (não possui)
Sollys/Osasco Brasil Brasil Campeão da Superliga Brasileira A 2009-10[5] 1 (2009)
Banco de la Nación Argentina Argentina Campeão da Liga Argentina A de 2009-10[6] 0(não possui)
Universidad Católica Chile Chile Campeão da Liga Chilena de Voleibol 2009[7] 0(não possui)

Fase única[editar | editar código-fonte]

Classificação
Jogos Resultados Sets Pontos
Pos Equipe Pts T V D 3–0 3–1 3–2 2–3 1–3 0–3 V P R V P R
1 Brasil Sollys/Osasco 9 3 3 0 3 0 0 0 0 0 9 0 MAX 227 134 1.694
2 Peru Deportivo Géminis 5 3 2 1 0 1 1 0 0 1 6 6 1,000 242 247 0.980
3 Argentina Banco de la Nación 4 3 1 2 0 1 0 1 0 1 5 7 0.714 256 265 0.966
4 Chile Universidad Católica 0 3 0 3 0 0 0 0 2 1 2 9 0.222 189 268 0.705
Resultados
16 de julho de 2016
20:00
Relatório
Sollys/Osasco Brasil 3 — 0 Argentina Banco de la Nación Coliseo Manuel Bonilla de Miraflores,], Lima
25
25
27
Set 1
Set 2
Set 3
13
17
25

16 de julho de 2016
20:00
Relatório
Deportivo Géminis Peru 3 — 1 Chile Universidad Católica Coliseo Manuel Bonilla de Miraflores,], Lima
24
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
26
14
9
16

17 de julho de 2016
18:00
Relatório
Sollys/Osasco Brasil 3 — 0 Chile Universidad Católica Coliseo Manuel Bonilla de Miraflores,], Lima
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
17
11
11

17 de julho de 2016
20:00
Relatório
Deportivo Géminis Peru 3 — 2 Argentina Banco de la Nación Coliseo Manuel Bonilla de Miraflores,], Lima
28
'14
25
21
15
Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
Set 5
26
25
20
25
11

18 de julho de 2016
15:45
Relatório
Banco de la Nación Argentina 3 — 1 Chile Universidad Católica Coliseo Manuel Bonilla de Miraflores,], Lima
25
19
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
22
25
16
22

18 de julho de 2016
17:45
Relatório
Deportivo Géminis Peru 0 — 3 Brasil Sollys/Osasco Coliseo Manuel Bonilla de Miraflores,], Lima
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
14
14
12

Classificação Final[editar | editar código-fonte]

Posição Equipe Classificação
Medalha de ouro Brasil Sollys/Osasco Aumento Campeonato Mundial de Clubes de Voleibol Feminino de 2010
Medalha de prata Peru Deportivo Géminis
Medalha de bronze Argentina Banco de la Nación
4 Chile Universidad Católica

[2]

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

As melhores atletas do campeonato foram[2]:

MVP (Most Valuable Player) Adenízia da Silva Sollys/Osasco Brasil
Melhor bloqueadora Jessenia Uceda Deportivo Géminis Peru
Melhor atacante Natália Pereira Sollys/Osasco Brasil
Melhor sacadora Sassá Sollys/Osasco Brasil
Melhor líbero Camila Brait Sollys/Osasco Brasil
Melhor levantadora Carolina Albuquerque Sollys/Osasco Brasil
Melhor recepção Daniela Gildenberger Banco de la Nación Argentina
Melhor defesa Thaís David Barbosa Sollys/Osasco Brasil

Referências

  1. a b c CSV. «Campeonato Sudamericano Femenino de Clubes: Cuatro equipos disputan el título del mejor del Continente» (em espanhol). 14 de julho de 2010. Consultado em 20 de julho de 2016. 
  2. a b c CSV. «Sudamericano Femenino de Clubes - Sollys Osasco vence y logra la vacance para el Mundial» (em espanhol). 19 de julho de 2016. Consultado em 20 de julho de 2016. 
  3. CSV. «Campeonato Sudamericano Femenino de Clubes: Sollys/Osasco busca el bicampeonato» (em espanhol). 15 de julho de 2010. Consultado em 20 de julho de 2016. 
  4. El Comercio.pe. «Géminis se coronó Campeón Nacional de vóley a pesar de que Regatas ganó más torneos» (em espanhol). 1 de fevereiro de 2010. Consultado em 20 de julho de 2016. 
  5. Local da Comunicação. «Unilever luta, mas fica com vice-campeonato da Superliga». 18 de abril de 2010. Consultado em 20 de julho de 2016. 
  6. La Nación.com.ar. «En el voley femenino, Banco Nación es tricampeón» (em espanhol). 13 de março de 2010. Consultado em 20 de julho de 2016. 
  7. BioBioChile. «U.Católica obtiene el título en la Liga Chilena de Vóleibol femenino tras vencer a Boston College» (em espanhol). 11 de dezembro de 2010. Consultado em 20 de julho de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]