Adenízia da Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Adenízia da Silva
campeã olímpica
Adenízia durante o Grand Prix de 2012.
Voleibol
Nome completo Adenízia Ferreira da Silva
Modalidade Voleibol indoor
Nascimento 18 de dezembro de 1986 (31 anos)
Ibiaí, MG
Nacionalidade brasileira
Compleição Peso: 69 kg Altura: 1,87 m
Clube Itália Pallavolo Scandicci[1]
Medalhas
Competidora do Bandeira do Brasil Brasil
Jogos Olímpicos
Ouro Londres 2012 Equipe
Campeonatos Mundiais
Prata Japão 2010 Equipe
Bronze Itália 2014 Equipe
Grand Prix
Ouro Tóquio 2009 Equipe
Ouro Sapporo 2013 Equipe
Ouro Tóquio 2014 Equipe
Ouro Bangkok 2016 Equipe
Ouro Nanquim 2017 Equipe
Prata Ningbo 2010 Equipe
Prata Macau 2011 Equipe
Prata Ningbo 2012 Equipe
Copa dos Campeões
Ouro Japão 2013 Equipe
Prata Japão 2009 Equipe
Jogos Pan-Americanos
Prata Toronto 2015 Equipe
Campeonato Sul-Americano
Ouro Cáli 2017 Equipe
Competidora de Osasco
Campeonatos Mundiais
Ouro Doha 2012 Equipe
Prata Doha 2010 Equipe
Prata Zurique 2014 Equipe
Bronze Doha 2011 Equipe
Torneio Top Volley
Ouro Basileia 2014 Equipe
Campeonato Sul-Americano
Ouro Lima 2009 Equipe
Ouro Lima 2010 Equipe
Ouro Osasco 2011 Equipe
Ouro Osasco 2012 Equipe
Prata Osasco 2014 Equipe
Prata Osasco 2015 Equipe

Adenízia Ferreira da Silva (Ibiaí, 18 de dezembro de 1986),[2][3] é uma jogadora de voleibol brasileira. Atua como central no Pallavolo Scandicci.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nascida em Ibiaí, Adenízia foi adotada por uma família amiga da mãe de Governador Valadares aos 2 anos, já que seu pai havia saído de casa e a mãe morrido de um aneurisma. Aos dez anos, foi convidada por um olheiro do Clube Filadélfia para jogar vôlei. Um ano depois, foi convidada a fazer parte da equipe de vôlei do Cenec de Domingo Martins, Espírito Santo nos Jogos Regionais Capixabas. Passou também pela equipe BCN/Bom Jesus, da cidade de Joinville, Santa Catarina.[4]

No ano de 1999, com apenas 13 anos de idade, a atleta se transferiu para o BCN/Osasco, onde atua até hoje.[4] Em 2005, aos 18 anos e já treinando com a equipe adulta de José Roberto Guimarães, até considerou desistir do vôlei em 2005 se sentindo intimidada pelo alto nível do plantel. Luizomar de Moura, então técnico da seleção brasileira juvenil (e eventual substituto de Guimarães no Osasco) convenceu-a do contrário. Adenízia desde então chegou a nove finais consecutivas da Superliga, com títulos em 2005, 2010 e 2012. Também foi campeãSul-Americana e Mundial de Clubes.[5]

Com diversas participações nas seleções de base do Brasil, sendo campeã do Mundial Sub-20 em 2005,[4] Adenízia teve sua primeira convocação para a seleção adulta em 2009, como parte da renovação do técnico José Roberto Guimarães.[6] Naquele mesmo ano venceu o Campeonato Sul-Americano,a Copa Pan-Americana, a Copa Final Four, o Grand Prix, e o Montreux Volley Masters.[7] Foi parte da equipe campeã olímpica nos Jogos Olímpicos de Verão de 2012.[8]

Fora das quadras, Adenízia é modelo fotográfica, tendo assinado com a agência paulistana L'Equipe em 2012.[9]

Temporada 2016/2017 foi jogar na Europa, no clube italiano Scandicci, onde foi destaque no bloqueio na liga italiana.

Temporada 2017/2018 Renova com seu clube, novamente convocada para o novo ciclo olímpico, Adenizia é campeã olímpica em Londres 2012. Em 2017 é campeã no Torneio de Montreux e do Grand Prix onde também foi um destaque.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Clube País De Até
A.D.C. Finasa  Brasil 1999 2009
Osasco V.C.  Brasil 2009 2016
Pallavolo Scandicci[1]  Itália 2016 2018

Títulos[editar | editar código-fonte]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Sciences de la terre.svg Mundial de Clubes

South America (orthographic projection).svg Sul-Americano de Clubes

Brasil Superliga

Brasil Copa Brasil

  • Campeã: 2008
  • Finalista: 2007

São Paulo Campeonato Paulista

  • Campeã: 2007, 2008 e 2012
  • Finalista: 2009

Seleção[editar | editar código-fonte]

Olympic flag.svg Jogos Olímpicos

Sciences de la terre.svg Campeonato Mundial

Sciences de la terre.svg Mundial Sub-20

  • Campeã: 2005

Sciences de la terre.svg Montreux Volley Masters

  • Campeã: 2009 e 2017

Sciences de la terre.svg Grand Prix

Sciences de la terre.svg Copa dos Campeões

  • Vice-campeã: 2009

Americas (orthographic projection).svg Copa Pan-Americana

  • Campeã: 2009
  • Finalista: 2008

Americas (orthographic projection).svg Copa Final Four

  • Campeã: 2009

South America (orthographic projection).svg Campeonato Sul-Americano

South America (orthographic projection).svg Sul-Americano Sub-18

  • Campeã: 2002

Premiações individuais[editar | editar código-fonte]

Referências