Carrie Lam

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Carrie Lam
Nome nativo 林鄭月娥
Nascimento 13 de maio de 1957 (61 anos)
Hong Kong
Cidadania República Popular da China, Reino Unido
Alma mater Universidade de Hong Kong, Universidade de Cambridge
Ocupação política, juiz de paz
Prêmios Medalha Grand Bauhinia
Religião Igreja Católica
Assinatura
Carrie Lam signature.svg

Carrie Lam Cheng Yuet-ngor (chinês tradicional: 林鄭月娥; Hong Kong, 13 de maio de 1957) é a Chefe do Executivo de Hong Kong, depois de vencer a eleição de 2017.[1] Antes disso, ela foi Secretária-Chefe de Administração do Governo da RAE de Hong Kong, a mais alta hierarquia dos principais funcionários do território, de 2012 a 2017.

Depois de se formar na Universidade de Hong Kong, Lam ingressou na função pública em 1980 e atuou em vários escritórios e departamentos. Ela se tornou uma autoridade principal em 2007, quando foi nomeada Secretária de Desenvolvimento. Ela se tornou Secretária-Chefe sob o governo Leung Chun-ying em 2012. Ela chefiou o Grupo de Trabalho sobre Desenvolvimento Constitucional sobre a reforma política de 2013 a 2015 e manteve conversações com os líderes estudantis durante a chamada Revolução dos Guarda-chuvas.[2]

Em janeiro de 2017, ela anunciou sua candidatura na eleição do Chefe do Executivo depois que renunciou como Secretária-Chefe. Lam ganhou a eleição com 777 votos no Comitê Eleitoral de 1.194 membros, sendo a primeira mulher eleita para o governo de Hong Kong e a primeira a se formar pela universidade local.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Leung Chun-ying
Chefe do Executivo de Hong Kong
2017–atual
Sucedido por
Ícone de esboço Este artigo sobre Hong Kong é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.